Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

O dicionário de latim que está sendo escrito desde 1894

Compartilhar

Seus responsáveis estão na letra “m”; obra será concluída provavelmente em 2050

 

Em uma biblioteca de Munique, aproximadamente 20 pesquisadores trabalham atualmente em um projeto que outros começaram há 122 anos: eles são responsáveis pelo dicionário mais completo de latim jamais realizado, tal e como foi falado e escrito a partir das primeiras inscrições, datadas de VI a.C., até por volta de 200 d.C., quando seu uso como uma língua falada, de uso corrente e cotidiano, começou a decair.

“Se uma palavra aparece em uma inscrição na ruína de um banheiro em Pompeia, essa palavra estará no nosso dicionário”, disse a pesquisadora e editora Marijke Ottink Byrd Pinkerton.

O governo alemão deu esta missão a um grupo de especialistas em 1894, e essa primeira geração encheu inúmeras caixas com milhares de fichas. Foto cortesia de Nigel Holmes para NPR.

O governo alemão deu esta missão a um grupo de especialistas em 1894, e essa primeira geração encheu inúmeras caixas com milhares de fichas. Foto cortesia de Nigel Holmes para NPR.

O esforço desses pesquisadores inclui revisar detalhadamente uma série de obras escritas em latim, catalogando cada palavra e cada passagem encontrada em uma folha de papel, pergaminho ou registro e, em seguida, criar uma entrada detalhada no dicionário para cada palavra, com o seu significado e inflexões contidas em cada documento. O governo alemão deu esta missão a um grupo de especialistas em 1894, e essa primeira geração encheu inúmeras caixas com milhares de folhas e sobras de papel: referências extraídas de fragmentos de poesia, discursos, textos legais, referências culinárias, lápides, placas rua e muito mais. Neste dicionário, cada palavra tem pelo menos uma caixa cheia de referências.

Thesaurus Linguae Latinae, uma vez concluído (em 2050, segundo algumas estimativas da equipe), terá um volume completo para cada letra do alfabeto.