Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia
Redação da Aleteia / ACI Digital
Como surgem as intenções de oração do Papa?
María Álvarez de las Asturias
Como ajudar um casal que se separou?
Padre Reginaldo Manzotti
Oração para pedir luz ao Senhor
Padre Reginaldo Manzotti
5 lições de vida para ser feliz
Prosa e Poesia
Os recomeços
Vatican News / Redação da Aleteia
Papa aos juízes: não buscar interesse pessoal

Matt Damon: a decisiva “regra das duas semanas” de um homem de família

Luca Ghidoni | FilmMagic
VENICE, ITALY - SEPTEMBER 08: Matt Damon and wife Luciana Bozan Barroso are seen on September 8, 2009 in Venice, Italy. (Photo by Luca Ghidoni/FilmMagic)
Compartilhar

O astro fala dos momentos que não quer perder na vida – e revela uma impactante faceta que todo bom pai reconhece

Em Hollywood, a luz de uma estrela pode brilhar de repente e, tão rapidamente quanto, se apagar da noite para o dia. Mas o astro Matt Damon está mostrando que alguns valores importam mais do que a fama. Matt, protagonista de muitas produções notáveis, incluindo o recente quinto filme da muito bem-sucedida série Bourne, considera que o tempo vivido junto à sua família é muito mais valioso que a popularidade. E ele é uma celebridade que não tem medo de dizer não a grandes oportunidades quando elas exigem que ele passe longos períodos longe de suas filhas.

Em uma entrevista à KIIS FM, Matt Damon, pai de quatro filhas, revelou que, para ele, todo contrato para atuar em um filme começa com uma discussão familiar.

Sempre depende da família. Se [o filme] for interferir demais [na vida familiar], eu simplesmente não posso fazer. Nós procuramos nunca ficar duas semanas separados. Temos esta regra das duas semanas. [Antes] o período mais longo que já passamos separados foi de três semanas”.

Damon e sua esposa, Luciana Barroso, estão unidos há 11 anos e, juntos, têm três filhas: Isabelle, de 10, Gia, de 7, e Stella, de 5. Luciana também é mãe de Alexia, 17 anos, fruto de seu casamento anterior. Se o casal decide que um determinado trabalho no cinema é viável, eles muitas vezes levam a família toda para o local das filmagens. “Às vezes, é uma aventura. No ano passado eu fiquei seis meses na China e foi uma grande viagem de família, incrível”, conta Matt.

A rejeição de Matt Damon aos “ideais” de Hollywood, optando em vez disso por uma vida conjugal e familiar relativamente calma, não é nova para o ator de 45 anos. Desde que se casaram, em 2005, Matt e Luciana são vistos como “sem graça” para os padrões de Hollywood. Não houve manchetes lascivas sobre eles nos jornais de fofocas. Matt Damon parece bem consciente de que o sucesso no casamento e na família, assim como no cinema, exige sacrifício e trabalho duro. E mais do que isso: em muitas entrevistas, Matt fala abertamente da sua alegria simples ao passar o tempo com as filhas e a esposa. “Eu acredito que você tem que estar o máximo possível com a pessoa que você ama tanto”, declarou ele em 2015. “A minha esposa é minha alma gêmea. Eu não gosto de ficar longe dela”.

A voz de Matt Damon ressoa com um senso de clareza e realismo incomum em Hollywood. É raro ouvir um famoso, ainda mais alguém tão famoso como Matt Damon, afirmar que sacrifica voluntariamente a fama para viver as pequenas coisas que mais importam para as suas filhas: os lanches depois da escola, a dança, as aulas de natação…

Quando Matt Damon fala dos momentos que não está disposto a perder, ele revela um lado mais poderoso de si mesmo; um lado que todos os bons pais conseguem entender. Ele fala do ponto de vista de um marido e pai que tenta equilibrar as relações mais importantes da vida com as necessidades de trabalho e os objetivos pessoais de sucesso. É a luta universal, o grande equilíbrio buscado pelos bons pais em todos os lugares. E é “estranhamente reconfortante” saber que Matt Damon também está combatendo o bom combate!

Aleteia Top 10
  1. Lidos