Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 28 Outubro |
São Sálvio
home iconAtualidade
line break icon

Âncora da CNN chora ao ver o menino resgatado na Síria – todos nós deveríamos (VÍDEO)

Getty Images

Aleteia Brasil - publicado em 24/08/16

Katie Bolduan nos mostra que, às vezes, a coisa mais profissional que você pode fazer é se lembrar de ser humano

Por Christine Stoddard*

Um comunicador deve estar sempre pronto – ser calmo, recolhido, sem emoção. Nós, primeiramente, aprendemos esse comportamento na escola. Sentar-se calmamente ou ficar parado. Não incomodar e não falar quando não for solicitado. Então, à medida que envelhecemos, temos de praticar isso todos os dias, seja no escritório ou na sala de reuniões. Somos ensinados a não rir alto, como também a não chorar.

Então, quando a âncora da CNN Kate Bolduan chorou em rede nacional, ao relatar a tragédia de uma criança da Síria, a súbita quebra na compostura surpreendeu os espectadores. Mas havia algo maior do que o profissionalismo acontecendo naquele momento: era uma expressão autêntica, alimentada pela emoção.

A vulnerabilidade de Bolduan no trabalho é admirável. Mas não deveria ser surpreendente. Como alguém poderia não chorar com esta imagem? (veja o vídeo abaixo) Por que alguém iria querer segurar o que nos torna humanos? Ver o pequeno Omran, que tinha acabado de ser retirado dos escombros na cidade de Aleppo, parecendo tão vulnerável e sozinho, faria qualquer pessoa querer se aproximar e protegê-lo. Compaixão é apenas mais um dom da ligação que nós compartilhamos com os outros, e o primeiro passo para tomar medidas. A nossa cultura faz com que seja fácil ser insensível e imparcial diante destas atrocidades contra os inocentes. Obrigado, Kate Bolduan, por nos mostrar o caminho. Todos nós precisamos chorar diante de tais tragédias.

Há tantas pessoas que sofrem neste mundo. Uma criança de cinco anos de idade deveria estar brincando, e não fugindo de bombas. Assista a Bolduan fazer seu trabalho da maneira que deveria ser feito, com paixão e compaixão. Mas aviso: algumas dessas imagens são perturbadoras:

*Christine Stoddard é escritora e vive no Brooklyn. Escreve para Marie Claire, Bustle, Cosmopolitan, Teen Vogue, The Huffington Post, Catholic News Service, entre outros.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Pe. Zezinho
Francisco Vêneto
Duas emissoras brasileiras deturpam fatos em ...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia