Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 07 Dezembro |
Bem-aventurado Janos Scheffler
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

Madre Teresa de Calcutá é canonizada pelo papa Francisco

27676lpr_e86893ce99c4e0a

© Antoine Mekary / ALETEIA

Agências de Notícias - publicado em 04/09/16

"Que nos ajude a entender que nosso único critério de ação é o amor gratuito, livre de qualquer ideologia"

O papa Francisco proclamou neste domingo como santa a madre Teresa de Calcutá, que dedicou sua vida aos pobres, em uma missa de canonização celebrada na Praça de São Pedro, no Vaticano, diante de 100.000 fiéis.

“Que nos ajude a entender que nosso único critério de ação é o amor gratuito, livre de qualquer ideologia (…) e oferecido a todos sem distinção de língua, cultura, raça ou religião”, declarou o Papa durante sua homilia.

“É um dia de celebração, de gratidão, de muitas bençãos”, disse em Calcutá a irmã Mary Lysa, das Missionárias da Caridade, a congregação fundada pela madre Teresa em 1950 e que hoje conta com 5.000 missionárias que dedicam sua vida aos pobres.

Após a cerimônia, o papa Francisco convidou para almoçar 1.500 pessoas pobres de toda a Itália.

Na fachada da Basílica de São Pedro foi pendurado neste domingo um retrato gigante da missionária, sob um céu azul e um sol de verão.

“Proclamamos a beata Teresa de Calcutá como santa e a inscrevemos entre os santos, decretando que seja venerada como tal por toda a Igreja”, declarou o papa Francisco sob fortes aplausos, pronunciando em latim a frase de canonização ritual no início da missa de duas horas de duração.

Seu dia no calendário católico de santos será 5 de setembro, data da sua morte, em 1997.

O papa Francisco, que percorreu a Praça de São Pedro no seu papamóvel depois da celebração, foi ovacionado pela multidão.

Solangel Rojas e sua irmã Zorayda, que viajaram de Cali, Colômbia, especialmente para a ocasião, seguravam pequenos retratos da religiosa, onde se lia “Santa Teresa”. “Sua canonização é grandiosa, é um exemplo a ser seguido”, opinaram.

Os indianos, que lotaram a Praça de São Pedro neste domingo, expressavam o seu orgulho por esta missionária albanesa, que se converteu em um ícone mundial dos mais pobres em Calcutá.

“Viveu como uma mulher simples, sem nenhum luxo, a serviço dos pobres”, disse Ancy Baby Thomas, uma indiana vestida com um sari colorido.

O ritual católico da canonização precisa da realização confirmada de dois milagres.

O brasileiro cujo testemunho abriu caminho para a canonização da madre Teresa contou na sexta-feira à imprensa no Vaticano como, segundo ele, se curou repentinamente de abscessos (infecções) cerebrais em 2008 graças às suas orações intensas à religiosa de Calcutá.

– “Uma benfeitora incansável” –

A madre Teresa foi “uma benfeitora incansável da humanidade”, havia declarado João Paulo II durante a beatificação da religiosa, em 2003, em uma cerimônia em Roma que contou com a participação de 300.000 fiéis.

Para o papa Francisco, a madre Teresa de Calcutá encarna seu ideal de uma “igreja pobre para os pobres”, embora tenha admitido que teria tido medo se esta pequena mulher determinada tivesse sido sua superiora.

A madre Teresa – nascida em 1910 no seio de uma família albanesa em Skopje e falecida em 5 de setembro de 1997 em Calcutá – recebeu o prêmio Nobel da Paz em 1979.

“Defendia incansavelmente a vida, proclamando sem parar que ‘o que ainda não nasceu é o mais frágil, o menor, o mais miserável'”, lembrou neste domingo o papa Francisco.

O Papa concluiu a missa de canonização pedindo que os fiéis orem pela irmã Isabel, uma missionária espanhola assassinada há dois dias no Haiti, e recordou as “muitas religiosas que doam totalmente a sua vida”.

(AFP)

Tags:
CanonizaçãoMadre TeresaSantos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia