Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia
María Álvarez de las Asturias
Como ajudar um casal que se separou?
Padre Reginaldo Manzotti
Oração para pedir luz ao Senhor
Padre Reginaldo Manzotti
5 lições de vida para ser feliz
Prosa e Poesia
Os recomeços
Vatican News / Redação da Aleteia
Papa aos juízes: não buscar interesse pessoal

EUA declaram extremista francês Omar Diaby como ‘terrorista global’

O Congresso dos Estados Unidos renovou nesta quinta-feira um programa de ajuda aos trabalhadores que perderam seu emprego por causa da concorrência estrangeira

Compartilhar

Os Estados Unidos classificaram nesta sexta-feira como “terrorista global” o recrutador extremista francês Omar Diaby, ficando sujeito a sanções econômicas por parte de Washington, anunciou o Departamento de Estado.

O militante da Frente Al-Nosra, de 40 anos, que também usa o nome de Omar Omsen, ganhou notoriedade no ano passado por simular sua própria morte com o objetivo de sair da Síria para se submeter a uma cirurgia.

Segundo o Departamento de Estado, Diaby lidera um grupo de 50 voluntários franceses que viajaram à Síria para se integrar à Frente al-Nosra, que aparentemente rompeu seus laços com a Al-Qaeda em julho e se designa agora como Jabhat Fateh al-Sham.

Acreditava-se que ele havia morrido em 2015, mas Diaby reapareceu em maio de 2016, afirmando que sua morte havia sido um artifício para poder viajar à Turquia e operar, acrescenta.

“Diaby atraiu a atenção da inteligência francesa devido ao seu envolvimento com um grupo extremista francês e por seus vídeos de propaganda na internet”, prossegue.

Os pais de Diaby anunciaram sua morte no ano passado, mas em maio ele concedeu uma entrevista por Skype à rede France 2, na qual explicou que havia viajado para se submeter a uma cirurgia.

(AFP)

Aleteia Top 10
  1. Lidos