Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 09 Maio |
home iconAtualidade
line break icon

Etiópia decreta 3 dias de luto por morte de 52 pessoas pisoteadas

Agências de Notícias - publicado em 03/10/16

A Etiópia começou nesta segunda-feira um luto nacional de três dias pela morte de 52 pessoas pisoteadas durante o tradicional festival Oromo Irreecha, no domingo, ao sul de Adis Abeba.

Além das bandeiras a meio mastro nos prédios públicos, a rádio nacional substituiu a transmissão normal por música clássica.

Na véspera, o governo informou que uma onda de violência atingiu o festival devido à ação de “forças irresponsáveis”, que deixaram 52 mortos.

A oposição mencionou, por sua vez, pelo menos 100 vítimas.

Milhares de pessoas se reuniram às margens do lago Harsadi, sagrado para os Oromo, para assistir à cerimônia da Irreecha, que marca o fim da temporada de chuvas.

A confusão começou quando as lideranças oromo afiliadas ao governo foram atacadas pela multidão. A plateia tentou invadir a tribuna, quando os dirigentes iam tomar palavra.

Os manifestantes lançaram pedras e garrafas contra as forças de segurança, que responderam com bombas de efeito moral.

Os disparos de gás lacrimogêneo provocaram pânico e correria. Pelo menos 50 pessoas caíram umas por cima das outras em um fosso com vários metros de profundidade, observou um fotógrafo da AFP.

O fotógrafo contou entre 15 e 20 corpos pelo menos e disse ter ouvido disparos.

O governo regional oromo indicou que todas as pessoas morreram no tumulto, e “não por causa das medidas tomadas pela Polícia, como alguns veículos da imprensa indicaram por erro”.

O governo federal etíope lamentou “perdas de vidas humanas”, sem divulgar um número exato, em nota publicada pela imprensa oficial etíope.

A Etiópia vive hoje um movimento de protestos contra o governo sem precedentes na última década. Esses atos começaram na região oromo (centro e oeste) em novembro de 2015 e se estenderam durante o verão para a região amhara (norte).

Essas duas etnias representam cerca de 60% da população etíope e protestam contra o que consideram um domínio hegemônico de outra etnia, os Tigray, originários do norte do país.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
1
Bebê anjo
Reportagem local
“Tchau, papai”: as últimas palavras que Maurício ouvi...
2
Sangue de São Januário ou San Gennaro
Francisco Vêneto
Milagre do sangue de São Januário volta a ocorrer em Nápoles
3
Monsenhor Jonas Abib, fundador da Canção Nova
Reportagem local
Fundador da Canção Nova, monsenhor Jonas Abib é diagnosticado com...
4
ARGENTINA
Esteban Pittaro
Polícia interrompe missa de Primeira Comunhão ao ar livre
5
CANDLELIGHT PROCESSION AND ROSARY
Elizabeth Zuranski
A oração escondida no fim da Ave-Maria
6
ELDERLY,WOMAN,ALONE
Aleteia Brasil
O pe. Zezinho e a mãe que espera há 30 anos, sem sucesso, pelo pe...
7
Sangue de São Januário ou San Gennaro
J-P Mauro
Vídeo mostra a última liquefação do sangue de São Januário
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia