Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Cadastre-se e receba Aleteia diretamente em seu email. É de graça.
Receber

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

12 motivos para confiar nossas súplicas a São José

Creative Commons
Compartilhar

A oração dos 30 dias ao santo pai adotivo do Menino Jesus

Amado São José!

Do abismo da minha pequenez, ansiedade e sofrimento, eu te contemplo com emoção e alegria no céu, mas também como pai dos órfãos sobre a terra, consolador dos tristes, amparo dos desvalidos, regozijo e amor dos teus devotos perante o trono de Deus, do teu Jesus e de Maria, tua santa Esposa.

Por isso, pobre e necessitado, a ti dirijo hoje e sempre as minhas lágrimas, meus rogos e clamores da alma, meus arrependimentos e esperanças; e hoje, especialmente, trago a ti uma dor para que alivies, um mal para que remedies, uma desgraça para que impeças, uma necessidade para que socorras, uma graça para que obtenhas para mim e para as pessoas que amo.

E durante trinta dias contínuos te pedirei, em reverência aos trinta anos que viveste na terra com Jesus e Maria, e te pedirei, urgente e confiadamente, invocando as diversas etapas e sofrimentos da tua vida. Sobram-me motivos para ter a confiança de que não tardarás em ouvir o meu pedido e remediar minha necessidade; tão firme é minha fé na tua bondade e poder que tenho certeza de que me conseguirás o que preciso e até mais do que te peço e desejo.

1 – Peço-te pela bondade divina que levou o Verbo Eterno a se encarnar e nascer na pobre natureza humana, como Deus de Deus, Deus Homem, Deus do Homem, Deus com o Homem.

2 – Suplico-te pela tua obediência ao Espírito ao não abandonares Maria, mas tomá-la como esposa e ao seu filho como teu, tornando-te pai adotivo de Jesus e protetor de ambos.

3 – Rogo-te pelo teu sofrimento quando buscavas um estábulo para berço de Deus, nascido entre os homens; pela tua dor ao vê-lo nascer entre animais, sem lhe poderes conseguir um lugar melhor.

4 – Peço-te pela abertura do teu coração ao te deixares comover com o louvor dos pastores e com a adoração dos reis do Oriente; pela tua incerteza ao pensares no que seria desse Menino, tão especial e, ao mesmo tempo, tão igual a todos os outros.

5 – Suplico-te por teu sobressalto ao escutares do anjo a morte decretada contra o teu filho, o próprio Deus; pela tua obediência e ao fugires para o Egito, pelos medos e perigos do caminho, pela pobreza do desterro e pelas tuas ansiedades ao voltares do Egito a Nazaré.

6 – Peço-te por tuas aflições dolorosas de três dias ao perderes Jesus e pelo teu alívio ao encontrá-lo no templo; pela tua felicidade nos trinta anos que viveste em Nazaré com Jesus e Maria confiados à tua autoridade e providência.

7 – Rogo-te e espero pelo heroico sacrifício e aceitação da missão do teu filho na cruz, de morrer por nossos pecados e pela nossa redenção.

8 – Peço-te pelo desprendimento com que todos os dias contemplavas as mãos de Jesus, a ser perfuradas um dia pelos pregos da cruz; aquela cabeça, que se reclinava ternamente sobre o teu peito, a ser coroada de espinhos; aquele corpo inocente que abraçavas sobre o teu coração, a ser sangrado nos braços da cruz; aquele momento último em que o verias expirar e morrer, por mim, pela minha alma, pelos meus pecados.

9 – Peço-te pela tua doce passagem desta vida nos braços de Jesus e Maria, e pela tua entrada no céu dos justos, onde tens o teu trono de poder.

10 – Suplico-te pelo teu regozijo e alegria quando contemplavas a ressurreição de Jesus, sua ascensão e entrada nos céus e seu trono de Rei.

11 – Peço-te pela tua felicidade quando viste Maria ser assunta aos céus pelos anjos e coroada pelo Eterno, entronizada junto contigo como mãe, senhora e rainha dos anjos e homens.

12 – Rogo e espero confiantemente pelos teus trabalhos, dores e sacrifícios na terra e pelos teus triunfos e feliz bem-aventurança no céu, com teu filho Jesus e tua esposa Maria Santíssima.

Ó meu bom São José! Sinto em mim uma força misteriosa, que me alenta e obriga a te pedir e suplicar e esperar que me obtenhas de Deus a grande e extraordinária graça que vou depositar diante deste teu altar e diante do teu trono de bondade e poder no céu: confio em ti, querido São José.

Neste momento, apresentar a Deus, com a ajuda de São José e com amorosa instância, a graça que se deseja.

____________

Oleada Joven

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.