Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Receba diretamente no seu email os artigos da Aleteia.
Cadastrar-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

A oração da Santa Madre Teresa para quando temos dúvidas sobre a nossa fé

© Dennis Jarvis/Flickr CC
Compartilhar

É surpreendente para muitos católicos, mas a Madre Teresa de Calcutá foi uma das grandes santas que viveram a intensa provação da “noite escura da alma”

Existe uma provação espiritual conhecida como “noite escura da alma”, quando Deus permite que a alma experimente uma intensa sensação de vazio, escuridão, falta de sentido, dúvida, angústia e até aversão às coisas divinas.

Ele permite que mesmo grandes santos enfrentem esses momentos terríveis em que a alma se sente “seca” – e, de modo surpreendente para muitos católicos, a Santa Madre Teresa de Calcutá foi uma das grandes santas que viveram essa intensa provação no seu caminho espiritual.

Quando sentia que lhe surgiam dúvidas sobre a sua fé, ela elevava esta oração ao Senhor:

 

Senhor, ensina-me a não falar
como o bronze que soa
ou como o címbalo que retine,
mas sim com amor.

Torna-me capaz de compreender
e dá-me a fé que move as montanhas,
mas com o amor.

Ensina-me aquele amor que é sempre paciente e sempre gentil,
nunca invejoso, presunçoso, egoísta ou irritadiço;
o amor que experimenta a alegria na verdade,
sempre pronto a perdoar,
a crer, esperar e suportar.

E, quando todas as coisas finitas se dissolverem e tudo ficar claro,
que eu possa ter sido a fraca, mas constante;
um reflexo do teu amor perfeito.

Glória!

 

LEIA TAMBÉM:

> Critérios que não são do mundo: quando a Madre Teresa recusava grandes doações

> “Madre Teresa, quando a senhora morrer, o mundo será como antes. O que mudou depois de tanto esforço?”

> 5 reflexões sobre o ridículo rancor de alguns ateus pela Madre Teresa

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.