Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 19 Outubro |
Santos Mártires Canadenses
Aleteia logo
home iconAtualidade
line break icon

Europeus vivem cada vez mais, mas nem sempre com boa saúde

Agências de Notícias - publicado em 23/11/16

A população da União Europeia (UE) vive cada vez mais, mas nem sempre com boa saúde, segundo um relatório conjunto da OCDE e da Comissão Europeia publicado nesta quarta-feira, que pede aos governos mais investimentos em seus sistemas de saúde.

“Temos que investir na vida das pessoas e no capital humano, na educação e no desenvolvimento de habilidades, e também na saúde e na assistência”, destacou o comissário europeu de Saúde, Vytenis Andriukaitis, em uma coletiva de imprensa.

“Não devemos ver esta despesa como inevitável, mas como um investimento no futuro”, acrescentou.

O envelhecimento da população e o aumento das doenças crônicas, junto aos limites orçamentários, fazem com que seja “necessário” que haja uma mudança no fornecimento de assistência médica, afirma a Comissão, baseando-se no relatório realizado com a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) sobre a situação da saúde e o acesso aos cuidados médicos na Europa.

Envelhecimento da população

A proporção de pessoas com mais de 65 anos na UE passou de menos de 10% em 1960 para cerca de 20% em 2015, e pode chegar a 30% em 2060, de acordo com as projeções.

Em 18 Estados do bloco (só um deles do leste, a Eslovênia), a expectativa de vida é de mais de 80 anos. Porém, isso nem sempre é sinal de boa saúde, visto que na UE há cerca de 50 milhões de pessoas com doenças crônicas, indica o relatório.

Além disso, cerca de meio milhão de europeus em idade ativa morrem a cada ano por doenças crônicas, o que gera cerca de 115 bilhões de euros em gastos públicos.

A UE também destina 1,7% do seu PIB por ano a ajudas para as pessoas com incapacidade laboral ou que estejam de licença, um montante maior que o dos subsídios ao desemprego.

Os gastos de saúde na UE representaram 9,9% do PIB em 2015, em comparação com 8,7% em 2005.

Andriukaitis lamentou que “um grande número de pessoas morram a cada ano por doenças evitáveis relacionadas com fatores de risco como o tabaco ou a obesidade”.

Na UE, uma entre cada cinco pessoas é fumante, e 16% dos adultos são obesos, em comparação com 11% em 2000.

A obesidade, junto ao consumo excessivo de álcool, são problemas “cada vez maiores” em muitos países da UE, a região onde mais se consome álcool no mundo, indica o relatório.

Desigualdades entre os Estados-membros”Ainda há muito por fazer para reduzir as desigualdades em matéria de acesso aos cuidados de saúde e da qualidade destes”, afirma Angel Gurría, secretário-geral da OCDE.

A duração média de uma internação hospitalar passou de 10 dias em 2000 para oito dias em 2014.

Em alguns tratamentos, as diferenças entre os países continuam sendo significativas.

Após um ataque cardíaco, por exemplo, os pacientes permanecem internados, em média, menos de cinco dias na Bulgária, Dinamarca, Suécia e Eslováquia, em comparação com os mais de 10 dias na Alemanha.

Estas diferenças também refletem as variações nas práticas hospitalares e nos sistemas de pagamento, segundo o relatório.

No Reino Unido, Alemanha, Holanda e Eslováquia, predomina o uso de medicamentos genéricos, que representam mais de 70% dos produtos vendidos. Na Itália, Luxemburgo e Grécia, esta taxa é de menos de 20%.

Em quatro países – Chipre, Grécia, Bulgária e Romênia -, mais de 10% da população não têm cobertura médica básica.

(AFP)
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
2
AVENIDO BROTHERS
Agnès Pinard Legry
Três irmãos são ordenados padres no mesmo dia
3
MARRIAGE
Matrimonio cristiano
Beijar a aliança todos os dias: uma indulgência especial aos casa...
4
COMMUNION
Philip Kosloski
Oração ao seu anjo da guarda antes de receber a comunhão
5
Aleteia Brasil
O segredo da cidade bósnia onde jamais houve um divórcio
6
Reportagem local
O grande crucifixo submerso que só pode ser visto quando o lago c...
7
VENEZUELA
Ramón Antonio Pérez
Quando a vida surge do abuso atroz a uma jovem deficiente
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia