Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Dez crianças que vão fazer você ter esperança na humanidade

Capture web
Compartilhar

Quando se trata de compaixão e empatia, as crianças frequentemente são nossos melhores exemplos

Ficamos sabendo de tanta tragédia nas notícias que não é nenhuma surpresa se o pessimismo nos invade e percamos a esperança na humanidade. No entanto, longe dos holofotes, lá na normalidade do dia-a-dia, raios de esperança surgem e, muitas vezes, vêm dos mais pequeninos, as crianças.

São elas que costumam sair na frente quando o que está em questão é a compaixão e a empatia – e não têm receio de pôr a mão na massa para ajudar quem precisa. Confira essas boas ações feitas pelo coração puro das crianças e recobre a esperança em um mundo melhor.

  1. Juntos é bem melhor
criancas-e-muletas-muro
Reprodução / Twitter

Santiago Fretes nasceu com uma má formação congênita que o deixou sem a perna direita. Ele assistia a uma partida de futebol em cima de uma das muletas e emprestou a outra para seu amigo, Yamil.

  1. Uma amizade que cura
amizade-idoso-e-crianca
Reprodução / Facebook

Nora, de quatro anos, e Dan Peterson, de 82, fizeram amizade em um supermercado. Eles se encontraram várias vezes e a garota o ajudou a superar a ansiedade e depressão causadas pela morte recente da esposa.

  1. Enxugar as lágrimas
enxugar-lagrimas
Reprodução / Facebook

É muita empatia. Esta menininha tentou enxugar as lágrimas de um político japonês na televisão.

 

  1. Portas e coração abertos
bilhete-obama
Reprodução / Twiiter

Sabe aquele garotinho sírio, fotografado cheio de sangue e poeira em uma ambulância, depois de um bombardeio em Alepo? Um menino norte-americano de apenas seis anos, Alex, escreveu uma carta ao presidente Barack Obama, para avisar que estava disposto a acolher o garoto em sua casa. “Nós podemos brincar juntos. Podemos convidar ele para festas de aniversário e ele vai nos ensinar outra língua. Nós podemos lhe ensinar inglês também”, escreveu Alex.

  1. Muito mais do que espírito esportivo
espirito-esportivo-10

Noah, de oito anos, competiu mini-triatlo com seu irmão, Lucas, que tem os movimentos reduzidos. O menino levou o irmão para correr num carrinho, puxou o pequeno numa bicicleta adaptada e nadou arrastando a boia de Lucas (reprodução/Facebook).

  1. Uma ajuda e tanto
ajuda-limonade
Reprodução / Youcaring.com

Um menino de sete anos fez uma barraquinha para vender limonada e juntar dinheiro para a cirurgia do amigo, que tinha paralisia cerebral. Com a difusão da história pela internet, ele conseguiu arrecadar mais de 60 mil dólares (reprodução/Youcaring.com).

  1. Ela tinha comida, mas ele não
vaquinha-alimento
Reprodução / Facebook

A pequena Ana Clara sentiu empatia por um morador de rua que passava frio, enquanto ela voltava para casa com uma pizza quentinha para comer. O pai dela, então, pediu ajuda para alguns colegas no Facebook e eles se organizaram para dar comida e cobertores a quem precisava. Um deles, inclusive, conseguiu um emprego na lanchonete em que foi jantar com o pai de Ana e os amigos (reprodução/Facebook) .

  1. Um pequeno herói
pequeno-heroi
Reprodução / Facebook

Este menino de 13 anos de idade salvou a vida de seu treinador de beisebol com ressuscitação cardiovascular e chamando por socorro (reprodução/Facebook).

  1. Um esforço por amor
esforco-por-amor
Reprodução / ABC News

Um garoto de seis anos de idade escreveu um livro para seu melhor amigo, que tinha um doença rara no fígado, e conseguiu levantar mais de um milhão de dólares para pesquisa sobre a doença depois de vender cópias do livro por vinte dólares.

  1. Pensando primeiro nos outros
pensando-nos-outros
Reprodução / reddit

Este garotinho ganhou 120 dólares. Sabe com o que ele gastou o dinheiro? Fez kits de almoço para pessoas em situação de rua.

 

(via Sempre Família)