Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 02 Março |
Santa Inês de Boêmia
home iconAtualidade
line break icon

Atentado de Ano Novo na Turquia: o último de uma longa lista

<p>Policiais chineses realizam operação anti-terrorista em Hami, na região de Xinjiang, em 2 de julho de 2013.</p>

Agências de Notícias - publicado em 01/01/17

O ataque de Ano Novo em Istambul, que deixou ao menos 39 mortos em uma boate, é o último episódio de uma longa lista de atentados que sacudiram a Turquia em um ano, com a retomada do conflito curdo e os combates na vizinha Síria.

Estes atentados foram atribuídos ao grupo extremista Estado Islâmico (EI) ou ao Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) e suas ramificações.

– 1º de janeiro de 2017: ao menos 39 mortos em um ataque contra a boate Reina, famoso local em Istambul. Ao menos um atirador estava fantasiado de Papai Noel. O atentado ainda não foi reivindicado.

– 19 de dezembro: o embaixador russo na Turquia, Andrei Karlov, é assassinado em Ancara por um policial turco que disse agir para vingar a tragédia da cidade síria de Aleppo.

– 17 de dezembro: pelo menos 14 soldados turcos morrem e dezenas de pessoas ficam feridas em um atentado suicida atribuído ao Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) contra um ônibus que transportava militares para Kayseri, no centro do país.

– 10 de dezembro: um duplo atentado no centro de Istambul deixa 44 mortos e centenas de feridos. Um carro-bomba explodiu perto do estádio de futebol do Besiktas, a poucos passos de um carro de polícia, e um suicida detonou seus explosivos menos de um minuto depois, em meio a um grupo de policiais em um parque próximo. O atentado foi reivindicado pelos Falcões da Liberdade do Curdistão (TAK), grupo radical curdo próximo ao Partido dos Trabalhadores do Curdistão.

– 24 de novembro: um atentado com carro-bomba deixa dois mortos e 33 feridos no estacionamento da sede do governo de Adana (sul).

– 4 de novembro: explosão de um carro-bomba deixa nove mortos, incluindo dois policiais, diante de uma delegacia em Diyarbakir, “capital” do sudeste, de maioria curda. Atribuído ao PKK, foi reivindicado pelo EI e, depois pelos Falcões da Liberdade do Curdistão (TAK).

– 9 de outubro: 11 policiais mortos em atentado suicida com carro-bomba em Cizre (sudeste), fronteiriça com a Síria, reivindicado pelo PKK.

– 20 de agosto: 50 pessoas morrem em um ataque durante um casamento em Gaziantep (sudeste). O presidente Recep Tayyip Erdogan acusa o grupo EI.

– 28 de junho: 47 personas, entre elas estrangeiros, morrem em um triplo atentado suicida no aeroporto internacional Atatürk de Istambul. O ataque, que não foi reivindicado, é atribuído ao grupo EI.

– 7 de junho: 11 mortos, incluindo seis policiais, em um atentado com carro-bomba contra um ônibus de policiais antidistúrbios em Beyazit, bairro histórico de Istambul. É reivindicado pelos TAK.

– 19 de março: quatro turistas (três israelenses e um iraniano) morrem em Istambul e 36 pessoas ficam feridas por um suicida. As autoridades acusam o grupo EI.

– 13 de março: 35 mortos e mais de 120 feridos em um atentado com carro-bomba em Ancara, reivindicado pelos TAK.

– 17 de fevereiro: um carro-bomba conduzido por um suicida deixa 28 mortos e 80 feridos em Ancara. O ataque, dirigido contra militares, é reivindicado pelos TAK.

– 12 de janeiro: doze turistas alemães morrem em um atentado suicida no centro histórico de Istambul, um local muito turístico. O ataque é atribuído ao grupo EI.

(AFP)
Tags:
Terrorismo
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
KOMUNIA NA RĘKĘ
Claudio de Castro
Padre chora copiosamente diante da falta de respeito com a Eucari...
2
missionárias mártires iêmen
Reportagem local
A corajosa última oração destas 4 freiras antes de serem mortas p...
3
PRAYER
Desde la Fe
Coisas que você não deve fazer na Missa e talvez não saiba
4
HOLY FAMILY
Philip Kosloski
A antiga oração a São José que é “conhecida por nunca ter falhado...
5
RECONSTRUCTED CHRIST
Lucandrea Massaro
Assim era Jesus: o misterioso Homem do Sudário, reconstruído em 3...
6
Kathleen N. Hattrup
O homem que beijou a testa do Papa diz que se curou em Lourdes
7
PRAY YOUNG
Arquidiocese de São Paulo
Rezar o terço sem contemplar os mistérios é válido?
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia