Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Nossa Senhora de Guadalupe: 23,5 graus de esperança!

Compartilhar

O eixo da Terra tem uma inclinação de 23,5° em relação ao sol: o mesmo ângulo da cabeça de Nossa Senhora!

O Santuário de Nossa Senhora de Guadalupe em Des Plaines, no Estado norte-americano de Illinois, fica a somente dez quilômetros do meu escritório, mas eu nunca tinha ido até lá. Decidi ir na pausa para o almoço e confiar a Maria uma prece por um amigo meu, advogado que tinha se tornado seminarista e que teria um exame importante no dia seguinte.

A manhã de trabalho tinha sido mais difícil do que eu imaginava. Meu trabalho envolve entre as suas responsabilidades a de gerir o currículo de ciências de um colégio, o que inclui as aulas de astronomia – menciono isto porque tem relação com o que iria acontecer durante a minha visita ao santuário.

Cheguei às 12:45. A temperatura era de -3°C e o céu estava azulíssimo. Um transeunte me indicou o santuário e logo me vi em fila com milhares de peregrinos reunidos para a festa. O templo era iluminado pelo sol e o ar se aquecia. Os peregrinos entregavam buquês de flores coloridas para serem postos diante da réplica da tilma, o tipo de manto indígena sobre o qual tinha ficado estampada a imagem de Nossa Senhora em sua aparição no México.

SAIBA MAIS SOBRE A TILMA DE GUADALUPE: 3 fatos cientificamente inexplicáveis

No santuário reinava um grande silêncio. De repente, me lembrei do porquê da minha visita. Olhei para cima, em direção à réplica da tilma, e abri meu coração à Virgem Maria, contando-lhe do meu amigo seminarista e da sua ansiedade com os exames finais. Falei também das minhas preocupações, mencionando cada um dos meus entes queridos. Depois eu olhei em volta. Milhares de peregrinos faziam a mesma coisa, abrindo o coração para a mesma e única Mãe do Céu. Éramos todos filhos reunidos para estar com ela.

Olhei de novo para a tilma. O revestimento de vidro refletia o sol justamente sobre a cabeça de Maria. Em vez de ver o seu rosto suavemente inclinado para um lado, eu só via o brilho intenso do reflexo. Notei que o brilho da luz que irradiava do alto do sol refletido tinha a mesma inclinação que a cabeça de Nossa Senhora. Tirei uma foto, relembrando um elemento básico da astrofísica: o eixo da Terra tem uma inclinação de 23,5° em relação ao sol.

Voltando ao estacionamento, olhei para o sol e vi o mesmo brilho vertical inclinado em direção à Terra. Fiz outra foto, perguntando-me quantos graus se inclinaria a cabeça de Nossa Senhora na tilma guadalupana.

No dia seguinte, resolvi verificar. Usando uma imagem digital de Nossa Senhora de Guadalupe tal como vista na tilma original, tracei uma linha reta vertical que parte do topo da cabeça e outra que passa pelo ângulo da inclinação da cabeça. Coloquei um transferidor no ponto onde as duas linhas se cruzavam. 23.5°!

O meu desenho era rudimentar e os meus conhecimentos de astronomia são básicos, mas logo descobri que outra pessoa, o Dr. Juan Hernández Illescas, já tinha feito essa descoberta em 1981. E me perguntei o que isto significaria.

Já ouvi muitos comentários sobre a inclinação da cabeça de Maria como símbolo da sua humildade, o que é perfeitamente coerente, mas agora tenho uma nova ideia sobre a questão: da sua posição no céu e vestida de sol, Nossa Senhora de Guadalupe direciona o seu olhar de 23,5° a toda a humanidade “inclinada” para longe de Deus. Com todos os seus filhos à sua vista, ela chama cada um e nos convida a lhe abrirmos o coração!

SAIBA MAIS SOBRE OS OLHOS DE NOSSA SENHORA DE GUADALUPE: É impossível que tenham sido pintados – são olhos vivos!

Se Nossa Senhora de Guadalupe tem uma mensagem central, é a de que o mundo inteiro tem uma mãe e que o Filho que ela deu à luz vem a nós neste período como o Salvador do mundo inteiro. A Encarnação! Deus que se faz homem! O que pode ser mais esperançador do que isto?

De agora em diante, vou sempre me lembrar de Nossa Senhora de Guadalupe como os meus 23,5 graus de esperança!