Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Terça-feira 19 Outubro |
Santos Mártires Canadenses
Aleteia logo
home iconAtualidade
line break icon

Médico opera boneco para que paciente não se sinta sozinho

Reprodução / Facebook Children's Hospital of Wisconsin

Oleada Joven - publicado em 18/01/17

Menino de 9 anos passou por 8 cirurgias. Na última, nem imaginava que seu fiel companheiro também seria operado

O cirurgião Travis Groth tornou-se uma celebridade virtual depois que circulou na internet uma foto onde ele aparece “operando” o brinquedo de um garoto de nove anos que era seu paciente.  O médico fez isso para que o menino não se sentisse sozinho depois da intervenção cirúrgica a que foi submetido. É que Ryan tinha levado o seu boneco em todas as 8 cirurgias pelas quais teve que passar.

O fato curioso aconteceu no Hospital Infantil de Wiscosin, Estados Unidos, onde o Dr. Groth trabalha como cirurgião. Na foto, que se tornou viral no Facebook, o médico está fazendo uma sutura em Mike Wazowski, o boneco preferido do garoto.

Quando Ryan acordou da cirurgia, um pouco mais tarde, viu seu melhor amigo sentado na cama, perto dele, enfaixado, assim como o menino também estava.

A notícia não surpreendeu os funcionários do hospital: os médicos da instituição têm instruções para fazer todo o possível para que os pequenos se sintam confortáveis. E, neste caso, parece que o cirurgião cumpriu com seu compromisso. Uma enfermeira pediátrica de 12 anos de casa contou que eles fazem isso o tempo todo: “animal de pelúcia favorito de uma criança, manta, brinquedo ou boneca pode ser seu melhor amigo e seu porto seguro”.

“As crianças têm que continuar sendo crianças”

Os médicos do Hospital Infantil de Wisconsin entendem que as crianças não são simplesmente adultos pequenos e merecem ser cuidadas com adaptações específicas para as necessidades únicas de um corpo pequeno, em crescimento.  Significa respeito à infância tratá-las como crianças.

Mas, além de todos os esforços para fazer que o ambiente seja cuidado, confortável e o mais suave possível, os hospitais podem dar medo. O desconhecido pode ser aterrorizador. As crianças são crianças, e se assustam. E, quando isso acontece, às vezes, elas se agarram ao que já conhecem, ao que sempre lhes trouxe segurança: seu animal de pelúcia favorito.

Fonte: Hospital de Wisconsin e Diario de Cuyo, publicado em Oleada Joven

Tags:
FilhosVirtudes
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
2
AVENIDO BROTHERS
Agnès Pinard Legry
Três irmãos são ordenados padres no mesmo dia
3
MARRIAGE
Matrimonio cristiano
Beijar a aliança todos os dias: uma indulgência especial aos casa...
4
COMMUNION
Philip Kosloski
Oração ao seu anjo da guarda antes de receber a comunhão
5
Aleteia Brasil
O segredo da cidade bósnia onde jamais houve um divórcio
6
Reportagem local
O grande crucifixo submerso que só pode ser visto quando o lago c...
7
VENEZUELA
Ramón Antonio Pérez
Quando a vida surge do abuso atroz a uma jovem deficiente
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia