Aleteia
Quarta-feira 21 Outubro |
São Bertoldo de Parma
Estilo de vida

O que fazer quando um filho adolescente quer começar a namorar

CREATISTA

Sempre Família - publicado em 06/02/17

Uma conversa sincera sobre o assunto precisa envolver temas como sexualidade e os valores morais cultivados pela família

E aquele momento, que parecia tão distante, chegou. Quando os filhos se apaixonam e querem namorar, muitos pais não sabem como agir. Considerado um momento delicado, pode mexer com todos na família, mas precisa ser encarado de frente e pode ser uma experiência tranquila, se o diálogo e o respeito estiverem acima de outros sentimentos e atitudes. Mas, existe um momento certo para o namoro acontecer?

Para a psicóloga Cintia Becker, os pais sempre acharão que é cedo demais. “Independentemente disso o importante é observar a maturidade do adolescente, quais suas motivações, interesses e expectativas ao buscar um relacionamento.  A abertura dos pais ao diálogo é fundamental para auxiliar o filho nesta reflexão, para que ele se sinta seguro e apoiado para decidir quando é o momento certo”, afirma Cintia. Ela explica que a iniciação amorosa marca uma fase na qual o filho demonstra outros vínculos e interesses afetivos além dos que possui pelos pais, se afasta da vida infantil e caminha para a vida adulta.

Além do estímulo às conversas e a abertura para que os filhos compartilhem sentimentos, é importante os pais tratarem de questões práticas que fazem parte de um relacionamento como sexo, gravidez e doenças sexualmente transmissíveis. Uma boa forma de abordar esse assunto é questionar o quanto o jovem conhece sobre cada tema e se há alguma dúvida.

Nessa conversa, não se pode esquecer dos limites no relacionamento, próprios de cada idade ou estado de vida, e dos valores morais ensinados pela família e aos quais se deve ser fiel. Vale também lembrar que, para um adolescente, essa experiência é totalmente nova, com situações desconhecidas, cheia de inseguranças, expectativas e medos. Neste cenário os pais são a referência mais próxima que um filho pode ter de segurança e guia para enfrentar este caminho.

Confie em você

Passadas as preocupações iniciais, os pais devem encarar a nova fase como algo natural ao crescimento e amadurecimento dos filhos e até como uma nova fase do seu relacionamento com eles, pois a medida que crescem, seus interesses vão mudando e a forma de se relacionarem com o mundo e com os pais também.

Por isso é tão importante construir uma relação desde a infância. “Uma criança com limites bem definidos torna-se uma pessoa segura de si e dos seus pais, pois os têm como referência. Logo, na adolescência, por mais que se revoltem com a falta de autonomia, acatam a autoridade paterna, baseada na relação de amor e confiança anteriormente construída”, avalia Cintia que faz uma recomendação: “lembre-se que construir uma relação é algo que leva tempo, exige planejamento e atos concretos para execução. Para que neste momento especifico da vida do adolescente os pais sejam ouvidos e respeitados dentro de suas considerações, é necessário que ao longo do relacionamento esta autoridade tenha sido construída com base no diálogo, trocas e regras bem definidas.”

(via Sempre Família)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
EducaçãoFilhosNamoro
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
CARLO ACUTIS
John Burger
Como foram os últimos dias de vida de Carlo A...
violência contra padres no Brasil
Francisco Vêneto
Outubro de cruz para padres no Brasil: um per...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Pe. Gilmar
Reportagem local
Padre é encontrado após três dias desaparecid...
CHILE
Reportagem local
Duas igrejas são incendiadas durante protesto...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia