Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Receba diretamente no seu email os artigos da Aleteia.
Cadastrar-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Papa denuncia a perseguição aos cristãos em um vídeo comovente

Compartilhar

Francisco denuncia, através de O Vídeo do Papa de março, a perseguição contra os cristãos, em diversas partes do mundo

Por que é que muitos cristãos são tratados como delinquentes em muitas partes do mundo? Com esta pergunta como ponto de partida, Francisco lançou a edição n.º 15 de O Vídeo do Papa, um projeto da Rede Mundial de Oração do Papa, para que o mundo tome consciência da realidade dos cristãos perseguidos e executados apenas por causa da fé, sem distinção entre as confissões religiosas a que pertencem.

Quantas pessoas são perseguidas por causa de sua fé, obrigadas a abandonar suas casas, seus locais de culto, suas terras, seus afetos!”, exclama Francisco, na sua denúncia contra a perseguição religiosa. Evocando o famoso filme “Os suspeitos do costume” – com uma cena em que se apresentam três cristãos de diversas confissões religiosas – o Papa denuncia a criminalização dos cristãos como delinquentes.

Segundo o Relatório da Liberdade Religiosa, da fundação pontifícia Aid to the Church in Need (ACN), conhecido localmente como Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), a liberdade religiosa diminuiu em 11 (quase 50 por cento) dos 23 países classificados como de perseguição. Por outro lado, noutros sete países incluídos nesta categoria, os problemas já são tão graves que apenas têm tendência para piorar.

Animem-se a fazer isso comigo, para que os cristãos experimentem o apoio de todas as Igrejas e comunidades, através da oração e da ajuda material”, afirma o Papa, desafiando as pessoas a comprometerem-se com esta delicada causa.

“A intenção de Francisco este mês é tão delicada quanto urgente”, afirma o P. Frédéric Fornos, sj, Diretor Internacional da Rede Mundial de Oração do Papa e seu ramo de jovens, o Movimento Eucarístico Juvenil (MEJ). Segundo este responsável, “milhares de cristãos em todo o mundo são discriminados ou perseguidos pelo simples facto de serem cristãos. Não esqueçamos que também existem outras perseguições religiosas. Hoje existe a imperiosa necessidade de unir todas as Igrejas e comunidades cristãs para apoiar, através da oração e da ajuda material e económica, onde for necessário”.

Johannes Heereman, Presidente Executivo Internacional da ACN afirma claramente: “A liberdade religiosa é um princípio fundamental dos direitos humanos. Nas manchetes das notícias vemos quase todos os dias um vínculo claro entre a violência, a opressão e a negação deste direito humano básico. Acreditamos que é preciso levantar a voz quando qualquer comunidade de fé está a ser injustamente atacada”. A ACN suporta mais de 5.000 projetos por ano em todo o mundo para a igreja que sofre.

As intenções são confiadas mensalmente à Rede Mundial de Oração do Papa e O Vídeo do Papa é produzido por La Machi, Comunicação para Boas Causas com o apoio da Companhia de Jesus, IndigoMusic, GettyImagesLatam, e a colaboração do Centro Televisivo Vaticano. Além disso, seu parceiro de mídia é Aleteia e o grande benfeitor: ACN. Desde o seu lançamento em Janeiro de 2016, tem mais de 13 milhões de visualizações em suas redes próprias.

É possível graças ao contributo desinteressado de muitas pessoas. Pode aceder a este link e fazer o seu donativo.

Onde se pode ver o vídeo?

 

 

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.