Aleteia
Segunda-feira 26 Outubro |
São Fulco
Cultura e Viagem

Fé, cultura e devoção à Nossa Senhora de Nazaré na Amazônia Brasileira

Fernando Cunha Filho / Creative Commons

Aleteia Brasil - publicado em 06/03/17

Em Belém, a Basílica e o tradicional Círio de Nazaré recebem milhões de fiéis todos os anos

A devoção a Nossa Senhora de Nazaré é antiga em Belém, capital do Pará. Foi o caboclo Plácido José de Souza quem encontrou, em 1700, às margens do igarapé Murutucú (onde hoje se encontra a Basílica Santuário), uma pequena imagem da Senhora de Nazaré. Após o achado, Plácido teria levado a imagem para a sua choupana e, no outro dia, ela não estaria mais lá. Correu ao local do encontro e lá estava a “Santinha”. O fato teria se repetido várias vezes até a imagem ser enviada ao Palácio do Governo. No local do achado, Plácido construiu uma pequena capela.

Em 1792, o Vaticano autorizou a realização de uma procissão em homenagem à Virgem de Nazaré, em Belém do Pará. Organizado pelo presidente da Província do Pará, capitão-mor Dom Francisco de Souza Coutinho, o primeiro Círio foi realizado no dia 8 de setembro de 1793. No início, não havia data fixa para o Círio, que poderia ocorrer nos meses de setembro, outubro ou novembro. Mas, a partir de 1901, por determinação do bispo Dom Francisco do Rêgo Maia, a procissão passou a ser realizada sempre no segundo domingo de outubro.

Tradicionalmente, a imagem é levada da Catedral de Belém à Basílica Santuário. Ao longo dos anos, houve adaptações. Uma delas ocorreu em 1853, quando, por conta de uma chuva torrencial, a procissão – que ocorria à tarde – passou a ser realizada pela manhã.

A Basílica Santuário de Nossa Senhora de Nazaré

Basílica de Nossa Senhora de Nazaré foi erguida em 1852 no mesmo lugar em que foi achada a imagem da Santa pelo Caboclo Plácido.

Ainda em 1884, a ermida já era considerada “pequena” para receber os romeiros oriundos de vários lugares do estado para a festa patronal, além do próprio crescimento da cidade. Com o passar do tempo, os Barnabitas viram a necessidade não apenas de uma reforma, mas sim de uma nova construção.

Em 24 de Outubro de 1909, deu-se início à execução do projeto. Vale lembrar que a Basílica de Nazaré foi a terceira Basílica do Brasil, havendo no ano de sua inauguração, em 1923, apenas duas outras: a da Sé, na Bahia e a de São Bento, em São Paulo. É também a única Basílica da Amazônia Brasileira.

O estilo da Basílica é neoclássico. O prédio tem cinco naves divididas em 36 colunas de puro granito italiano. Há também 53 vitrais franceses, 65 ilustrações em mosaico italiano, 15 estátuas de mármore, 3 grandiosas portas de bronze, 9 sinos de bronze sendo que o maior pesa duas toneladas, medindo 1,80m de diâmetro.

Em sua fachada, apresenta duas inscrições em latim. A inscrição superior Deiparae Virgini a Nazareth significa “Virgem de Nazaré Mãe de Deus”, e a inscrição inferior Salve Regina Mater Misericordiae significa “Salve Rainha Mãe Misericordiosa”.

O Papa João Paulo II durante suas milhares de viagens visitou a Basílica de Nazaré quando veio em Belém. Hoje a Basílica é um dos principais patrimônios históricos de Belém.

O Círio de Nazaré

Realizado em Belém do Pará há mais de dois séculos, o Círio de Nazaré é uma das maiores e mais belas procissões católicas do Brasil e do mundo. Reúne, anualmente, cerca de dois milhões de romeiros numa caminhada de fé pelas ruas da capital do Estado.

Celso Abreu / Creative Commons

No segundo domingo de outubro, a procissão sai da Catedral de Belém e segue até a Praça Santuário de Nazaré, onde a imagem da Virgem fica exposta para veneração dos fiéis durante 15 dias. O percurso é de 3,6 quilômetros e já chegou a ser feito em nove horas devido à quantidade de participantes.

CÍRIO, NAZARÉ
Celso Abreu / Creative Commons

Por sua grandiosidade, o Círio de Belém foi registrado, em setembro de 2004, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), como patrimônio cultural de natureza imaterial.

Via Círio de Nazaré.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Viagem
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa Francisco e casais homossexuais: o que e...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
SAINT MICHAEL
Philip Kosloski
Oração a São Miguel por proteção contra inimi...
Rosário
Philip Kosloski
Benefícios do Rosário: 3 virtudes que aprende...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia