Aleteia
Sexta-feira 23 Outubro |
São Paulo Tong Viet Buong
Histórias Inspiradoras

Decretaram que sua vida era "impossível", mas o bebê milagre já celebra 2 anos e meio!

Família Buell

Aleteia Brasil - publicado em 14/03/17

Jaxon, o Forte: ele surpreende o mundo com um desenvolvimento que a cultura do descarte não consegue explicar. Para Deus, impossível é nada.

Em 27 de agosto de 2014, nasceu em Orlando, na Flórida, o pequeno Jaxon Buell, um bebê com micro-hidranencefalia, uma forma extrema de malformação do crânio e do cérebro. Sua história chamou a atenção do planeta – e sua vida foi logo sentenciada por prognósticos médicos a ser simplesmente “impossível”.

Quando o guerreirinho completou seu “impossível” primeiro aniversário, e, milagrosamente, já aprendia a andar e a falar (!), seu pai, Brandon Buell, de 27 anos, fez um desabafo comovente nas redes sociais. Ele e a mulher, Brittany, de 31, tinham chegado a ser chamados de “egoístas” por permitirem que o filhinho viesse ao mundo!

É chocante ver as opiniões sobre o nosso bebê, de pessoas que nunca o conheceram e que, mesmo assim, acham que sabem como ele pensa, como ele age, como ele se sente. Elas acham que boa parte das coisas que ele faz é ‘sem querer’ e que ele está sempre sofrendo… Elas dizem que somos pais egoístas por ter decidido não fazer oaborto“, relatou Brandon, dizendo verdades que a cultura do descarte considera insultantes – justamente por serem verdade.

Para os especialistas, o bebê não sobreviveria sequer à gravidez. Apesar dos “conselhos” médicos para abortar, o casal norte-americano foi firme em levar a gestação adiante.

Ele tem ensinado a si mesmo a se comunicar conosco na sua linguagem própria e nós realmente aprendemos a nos entender ao longo desses 13 meses”, disse Brandon, quando Jaxon já tinha 1 ano e 1 mês. “Eu amo isso! De tantas maneiras, ele é tão normal! Ele é um bebê que está lidando com o nascimento dos dentinhos, que chora quando está com fome, que sofre de cólicas, vomita, chora, dorme, repete o que ouve!“. De fato, nessa época, Jaxon já dizia “mamma” e “addy”, uma tentativa de dizer “daddy”, que significa “papai” em inglês.

Brandon se perguntava como é que poderia ser “egoísta” a decisão de dar uma chance a Jaxon de lutar pela vida e pelo próprio desenvolvimento:

Como é que matá-lo imediatamente poderia ser a melhor a alternativa, se nenhum médico nos deu embasamento algum para isso? Nós só quisemos dar uma chance ao nosso bebê, em vez de ficarmos depois nos perguntando ‘e se?’”.

E foi enfático: “Então, sim, de forma ‘egoísta’ nós o amamos e não queremos perdê-lo! O mais importante de tudo é que Jaxon continua aqui conosco, continua aprendendo, se desenvolvendo, progredindo. Ele sorri para nós, sempre acorda feliz de manhã e olha para nós dois, com carinha de ‘animado’ para começar o novo dia!”.

Falando sobre o impacto de Jaxon no mundo, seu pai agrega: “O Jax já tocou mais vidas durante um ano do que muitos de nós vão tocar durante a vida toda”.

E o guerreirinho continua, firme e forte, tocando vidas – inclusive as dos mais incrédulos.

Você perdeu, cultura do descarte!

O pequeno grande Jaxon, condenado pela cultura do descarte a ser abortado porque “não tinha a menor chance”, completou não apenas o seu “impossível” primeiro aniversário, como também o segundo e mais um pouco, pois está prestes a celebrar 2 anos e meio no final deste mês de março!

Família Buell

Os diagnósticos ainda teimam em ser sempre os mesmos: Jaxon não viverá por muito tempo. Possivelmente é verdade, mas aqui está ele, VIVENDO! E crescendo! E aprendendo! E ensinando! E inspirando a viver!

A mãe reforça: “Nós damos tudo de nós. Brincamos com ele como uma criança normal e, sinceramente, não pensamos sobre isso o tempo todo. Eu já estou preparada mentalmente“.

O menino conta com o trabalho de oito especialistas e, principalmente, com o amor incondicional dos pais e da família. Mas, acima de tudo, ele conta com o dom de uma vida que, para Deus, não tem nada de “impossível”.

Você perdeu, cultura do descarte. Você perdeu de novo. Você vai perder sempre. Você não tem a menor chance contra o milagre impossível da vida!

Jaxon Strong no Facebook

Acompanhe a inspiradora vida do pequeno grande Jaxon no Facebook: curta a página criada e atualizada pelos seus pais para compartilhar esse testemunho maravilhoso de amor à vida:

Página We Are Jaxon Strong

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Cultura do descarteVida
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
nuvens sinais
Reportagem local
Estão sendo fotografados "sinais do céu"?
Extremistas queimam igrejas no Chile
Francisco Vêneto
Por que queimam igrejas: Dom Henrique e Pe. J...
Rosário
Philip Kosloski
Benefícios do Rosário: 3 virtudes que aprende...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia