Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 17 Janeiro |
home iconReligião
line break icon

Com que frequência devo receber a Eucaristia?

Alwyn Ladell | CC

Aleteia Brasil - Philip Kosloski - publicado em 11/04/17

Você não precisa entrar na fila da Comunhão toda vez que vai à Missa

Quando chega a hora da Comunhão na Missa, a cena típica é a de uma procissão ordenada, com a maioria dos presentes lotando o corredor principal da igreja para receberem a Eucaristia de um padre ou ministro. Se um paroquiano não pode se levantar, alguém vai lhe entregar a Eucaristia no seu lugar.

Receber a Comunhão todos os domingos do ano é extremamente comum para todos da igreja – sem exceção.

Por isso, a pergunta: “Com que frequência eu deveria receber a Eucaristia?” soa desnecessária e óbvia para muita gente. No entanto, a Igreja, em sua sabedoria, estabeleceu diretrizes específicas que devem nos ajudar ao longo da nossa caminhada para o Céu.

A rigor, os católicos são orientados a receber a Eucaristia, no mínimo, uma vez por ano:

“Todo fiel, depois que recebeu a sagrada Eucaristia pela primeira vez, tem a obrigação de receber a sagrada comunhão ao menos uma vez por ano.

Esse preceito deve ser cumprido no período pascal, a não ser que, por justa causa, sejam confortados com a sagrada comunhão como viático” (Direito Canônico, 920).

Pode parecer um pouco estranho que a igreja só nos peça para receber a Eucaristia uma vez por ano, durante a época da Páscoa. No entanto, este preceito tem a intenção de nos lembrar das condições necessárias que devemos cumprir para receber a Santa Eucaristia de maneira digna. Para saber quais são estas condições, clique aqui.




Leia também:
Quantas vezes por dia podemos comungar?

A Igreja enfatizou nos últimos anos que a recepção da Eucaristia nunca deve acontecer dissociada do sacramento da Confissão. Basicamente, se depois de um bom exame de consciência você sente que está livre de qualquer pecado grave, então a Igreja sugere que você receba a Eucaristia, a fonte de nossa fé.




Leia também:
Que pecados nos impedem de comungar?

No entanto, se você está consciente de um pecado grave, então a Igreja pede que você se abstenha de receber a Sagrada Comunhão e que permaneça no banco, ou se aproxime do padre com os braços cruzados sobre o peito, indicando que você preferiria uma bênção ao invés da Eucaristia.

A Igreja espera que você se confesse assim que pudesse, a fim de restaurar a sua relação com Deus.




Leia também:
A importância de comungar bem

Tags:
Eucaristia
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
Aleteia Brasil
Na íntegra: as três partes do Segredo de Fáti...
UNPLANNED
Jaime Septién
Filme contra o aborto arrasa nas bilheterias ...
BABY BAPTISM
Padre Reginaldo Manzotti
Por que é tão importante batizar uma criança?
Deserto de Negev
Francisco Vêneto
Pedra de 1.400 anos com inscrição mariana é e...
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens pode...
Reportagem local
Papa Francisco: cuidado com os cristãos que s...
POPE JOHN PAUL II
Philip Kosloski
"Não tenhais medo": a frase mais usada por Sã...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia