Aleteia

Um abraço histórico de reconhecimento e gratidão

©Tiziana Fabi/AFP
Compartilhar
Comentar

Papa Francisco conheceu o brasileirinho que foi curado pela intercessão dos pastorinhos de Fátima

Lucas, o garoto brasileiro de nove anos que, de acordo com o Vaticano, foi curado de um traumatismo craniano pela intercessão dos pastorinhos de Fátima, recebeu um longo abraço do papa Francisco. O encontro dos dois aconteceu durante a Missa de canonização dos beatos Jacinta e Francisco, no santuário de Fátima. Foi um momento de muita emoção para os presentes, principalmente para a família brasileira que viveu este milagre.

Na imagem, é nítida a alegria e a gratidão do garoto – que ficou nas pontas dos pés para receber o carinho do pontífice. Lucas e seus pais participaram da procissão do ofertório durante a celebração.

De acordo com as normas do Vaticano, identidade do menino foi preservada antes da canonização para evitar a exposição da criança. Na semana passada, ainda em Fátima, os pais de Lucas revelaram aos jornalistas os detalhes da cura atribuída aos pastorinhos.

Lucas estava brincando com sua irmã Eduarda e caiu de uma janela de 6,50 metros. Na época, ele tinha 5 anos. O menino bateu com a cabeça no chão e sofreu um traumatismo craniano, com perda de tecido cerebral. A criança chegou ao hospital “em coma muito grave”, sofreu duas paradas cardíacas e teve que passar por uma cirurgia de urgência. Os pais telefonaram para o Carmelo de Campo Mourão para pedir as orações das religiosas pelo menino. Uma irmã recorreu às relíquias dos beatos Francisco e Jacinta e pediu para que eles curassem o garoto. Esta carmelita convenceu as demais a também pedirem a intercessão dos pastorinhos.  A família de Lucas passou a fazer o mesmo. 13 dias depois, Lucas teve alta do hospital.

 

 

Compartilhar
Comentar
Temas deste artigo:
fatimamilagrepastorinhos
Boletim
Receba Aleteia todo dia