Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 07 Março |
home iconEstilo de vida
line break icon

Como lidar com as influências externas que os filhos recebem

Divulgação

Sempre Família - publicado em 29/05/17

Novo livro da educadora que viveu a Supernanny na TV vem ajudar pais com dificuldades em competir com o celular, colegas de escola e até avós

Não há dúvida de que os pais são a maior influência na vida de uma criança, mas certamente não são a única. Avós, tios, colegas de escola e, a partir de certa idade, internet e tevê também afetam na formação da personalidade. Para bem ou para mal. Essa é a constatação que levou a educadora argentina Cris Poli a lançar seu mais recente livro: “Atenção! Tem gente influenciando seus filhos”.

Cris ficou famosa no Brasil todo por ser a protagonista da versão brasileira do programa Supernanny, transmitido pelo SBT, no qual ajudava famílias reais com dificuldades em lidar com seus filhos pequenos. Em sua nova obra – a oitava lançada no país -, ela orienta pais que querem evitar interferências negativas no comportamento dos filhos.

Em entrevista ao Sempre Família, Cris explica que essas outras influências são naturais e nem sempre ruins. Para ela, com o que se vê fora de casa, os pais podem exemplificar questões que ajudam os filhos a formarem sua visão de certo e errado. “Hoje muito se fala em ‘não invadir o espaço do filho’. A questão é que não é uma invasão, mas sim, uma supervisão. E para que a criança não se sinta pressionada pelos pais é preciso que o diálogo comece desde cedo, quando ainda pequeno, para que ela se sinta confortável em contar o que está acontecendo. Assim o pai pode intervir diante da percepção de uma influência que ele julga negativa”, avalia.

E quando o agente influenciador está dentro da própria família? A educadora tranquiliza os pais preocupados em não ofender os avós, por exemplo, que tendem a ser o suporte para o cuidado diário da criança, mas que nem sempre influenciam do modo como os pais esperam. “No começo eles podem ficar um pouco ressentidos, mas com o tempo entendem. Eu sou avó e sei bem disso. Com bom senso, tranquilidade e sem ser agressivo, é possível abrir esse diálogo”, diz Cris. Ela complementa com um testemunho: “Durante o programa Supernanny tive um caso em que a mãe estava perdendo a autoridade em casa, por causa dessa influência que a avó tinha. É preciso falar”.

Para a educadora, há dois grandes desafios para a educação das crianças hoje: o pouco tempo dos pais e a falta de limites para uso de tecnologia, tanto por parte dos filhos como por parte dos pais. Ela enfatiza que é preciso separar um tempo com os filhos ao chegar em casa do trabalho, ainda que o dia tenha sido cheio e estressante. “Sem diálogo eles se afastam mesmo. Serão influenciados por outros e aí, na adolescência, você acabará dizendo que não o conhece”, alerta.

Em relação à tecnologia, a educadora é firme em dizer que o uso deve ser moderado não só para os pequenos, mas principalmente para os pais, que são os exemplos: “Hoje todos estão conectados demais. Pais que ficam mexendo no celular à mesa dificilmente conseguem que os filhos façam o contrário. Tem que ter hora para tudo”, finaliza.

p11140
Livro: Atenção! Tem gente influenciando seus filhos
Autora: Cris Poli
Editora: Mundo Cristão
Valor: R$ 29,90

As reprises do programa Supernanny são transmitidos pelo SBT, todos os sábados, às 18h50.

(via Sempre Família)

Tags:
EducaçãoFamíliaFilhosPaternidadetecnologia
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
1
MIRACLE
Maria Paola Daud
Mateo se perdeu no mar… e apareceu nos braços do pai
2
MADONNA
Maria Paola Daud
A curiosa imagem da Virgem Maria protetora contra o coronavírus
3
Reportagem local
Santo Sudário, novo estudo: “Não é imagem de morto, mas de ...
4
SAINT JOSEPH
Philip Kosloski
10 coisas sobre São José que você precisa saber
5
PADRE PIO
Philip Kosloski
A oração que Padre Pio fazia todos os dias ao Anjo da Guarda
6
Santo Sudário
Aleteia Brasil
Manchas do Santo Sudário são do sangue de alguém que sofreu morte...
7
BABY BORN
Reportagem local
Bebê “renasce” após ser batizado por uma médica
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia