Aleteia
Terça-feira 27 Outubro |
São Fulco
Atualidade

Uma semana de violência na Esplanada das Mesquitas em Jerusalém

jerusalem

Wikimedia / CC

Agências de Notícias - publicado em 23/07/17

A onda de violência que estourou ao redor da Esplanada das Mesquitas de Jerusalém após a instalação imposta por Israel de detectores de metais nas entradas do lugar santo. Oito pessoas morreram em uma semana.

Veja a evolução dos fatos:

– Fechamento da Esplanada das Mesquitas

Em 14 de julho, três árabe-israelenses matam a tiros dois policiais israelenses na Cidade Velha de Jerusalém, antes de fugirem, serem perseguidos e abatidos na Esplanada das Mesquitas.

Israel garante que as armas utilizadas haviam sido escondidas na Esplanada e toma a decisão excepcional de fechar o acesso ao local por dois dias.

A decisão provoca a ira dos palestinos e da Jordânia, guardiã dos lugares santos de Jerusalém.

– Detectores de metais

No dia 15 de julho, o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, decide ordenar a instalação de detectores de metais e anuncia a reabertura da Esplanada para o dia seguinte.

No dia seguinte, 16 de julho, o lugar volta a abrir ao público, mas os fiéis muçulmanos se negam a entrar devido a essas medidas. Como protesto, centenas de pessoas rezam no exterior da Esplanada.

– Confrontos

A partir de 16 de julho, os confrontos ocorrem diariamente entre palestinos e as forças de segurança israelenses em Jerusalém Oriental, mas também na Cisjordânia. Os fiéis muçulmanos continuam se negando a rezar na Esplanada das Mesquitas.

Em 20 de julho, o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, se une aos dirigentes palestinos para pedir a Israel a retirada dos detectores de metais.

O primeiro-ministro israelense, depois de consultar especialistas de segurança, mantém a medida.

– Violência fatal

Na sexta-feira, 21 de julho, dia da grande oração semanal, a polícia israelense proíbe homens de menos de 50 anos a acessar a Cidade Velha.

Violentos confrontos estouram em Jerusalém Oriental e na Cisjordânia. Pelo menos três palestinos morrem e centenas ficam feridos.

À noite, um palestino invade uma casa em uma colônia israelense, perto de Ramallah, e mata três israelenses esfaqueados.

O presidente palestino, Mahmud Abas, anuncia que as relações com Israel ficarão “congeladas” enquanto as medidas de segurança permanecerem em vigor.

– Conselho de Segurança

No dia 22 de julho, os choques continuam em Jerusalém Oriental e na Cisjordânia, marcados pela morte de dois palestinos, um deles pela explosão do coquetel-molotov que segurava.

No dia 23 de julho, um foguete lançado de Gaza, território palestino governado pelo Hamas, alcança uma área não habitada, segundo o Exército israelense.

Autoridades israelenses se reúnem para encontrar uma possível alternativa aos detectores de metais.

Na segunda-feira, 24 de julho, o Conselho de Segurança da ONU fará uma reunião a portas fechadas para avaliar “a forma de apoiar os pedidos distensão”.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
SAINT MICHAEL
Philip Kosloski
Oração a São Miguel por proteção contra inimi...
São Padre Pio de Pietrelcina
Oração de cura e libertação indicada pelo exo...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia