Aleteia
Terça-feira 27 Outubro |
São Fulco
Estilo de vida

5 formas de lidar com a depressão

Helen-Adilia-Arceyut-Frixione-CC

Psiconlinews - publicado em 26/07/17

É preciso adotar atitudes de resiliência, cuidar da mente e das emoções

Em época onde todos os meios de comunicação propagam a crise brasileira, e muitas pessoas vivenciam a situação de desemprego e dificuldades econômicas, é esperado um aumento no número de casos de depressão.

A depressão é caracterizada pelo sentimento de tristeza, desinteresse, ausência de prazer, baixa autoestima e autoconfiança, sentimento de culpa e inutilidade, pessimismo, cansaço persistente, concentração e atenção reduzidas, além de distúrbios do sono e do apetite.

As causas da depressão são várias, e é sabido que fatores ambientais e circunstanciais, como situações que fogem do previsível e geram estresse, podem ser o gatilho para a depressão.

As grandes crises financeiras foram marcadas pelo aumento do número de pessoas deprimidas e do consumo de medicações antidepressivas e ansiolíticos.

Vislumbrando o momento difícil que o país vem passando, é preciso desde já adotar atitudes de resiliência, cuidar da mente e das emoções para prevenir um estado depressivo.

Seguem abaixo algumas dicas para sobreviver bem a época de crise:

1. Engaje-se em atividades prazerosas e estimule uma visão otimista

É preciso manter o bom humor e o otimismo mesmo em situações difíceis. Procure fazer atividades que proporcionem a satisfação e o prazer. Este tipo de atitude ajudará a estimular sentimentos positivos, que se propagarão para a sua visão do mundo e da vida.

2. Desenvolva a resiliência

Saiba reagir positivamente perante as advertências e se levantar a cada queda. Aceite aquilo que não poderá mudar e que não depende de você. É preciso adaptar-se às novas situações e superar-se.

3. Foque sua atenção na solução e não no problema

Ficar falando, pensando e vivendo o problema te impedirá de enxergar as possibilidades de mudar a situação. Não que você não possa compartilhar suas aflições, mesmo porque algumas vezes é falando que conseguimos entender melhor os fatos, mas não fique apenas remoendo o caos, pois a discussão prolongada pode intensificar os sentimentos negativos. Determine um tempo máximo para falar sobre seus problemas e depois mude de assunto.

4. Pratique atividade física

Exercitar o corpo é um dos melhores antídotos para a ansiedade, que muitas vezes é a precursora da depressão. A atividade física também ajuda a combater a apatia e a baixa energia. Uma simples caminhada diária também pode contribuir significativamente para arejar a mente e estimular o sentimento de bem-estar, experimente!

5. Administre os impulsos e as emoções

É comum, em momentos de desavenças, agirmos sob o calor das emoções e perder a razão. Muitas vezes reagimos a um fato que criamos ou supervalorizamos na nossa mente e, consequentemente, nossa ação é desproporcional à situação. Procure raciocinar o fato antes de agir impulsivamente. Relaxe, respire fundo e acalme-se, depois responda a situação. Em momentos difíceis, há uma tendência a antecipar sofrimentos e fracasso e fazer julgamentos errôneos.

A crise pode ser sinônimo de perdas, assim como pode representar ganhos, através das oportunidades enxergadas. Seja otimista e esteja atento as oportunidades que são provenientes da situação vivenciada. Boa sorte!

(Psiconlinews)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Depressão
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
SAINT MICHAEL
Philip Kosloski
Oração a São Miguel por proteção contra inimi...
São Padre Pio de Pietrelcina
Oração de cura e libertação indicada pelo exo...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia