Aleteia
Quinta-feira 22 Outubro |
São Moderano
Estilo de vida

Duas horas de silêncio por dia fazem um bem danado para a memória

Shutterstock

Calah Alexander - publicado em 01/08/17

Algo simples, mas que gera benefícios para a saúde

Desde que me tornei mãe, parece que perdi a capacidade de me lembrar das coisas. Eu tinha uma memória excelente; conseguia lembrar detalhes de conversas e conferências inteiras com precisão, até mesmo ao ponto de saber onde cada pessoa estava sentada e que roupa usava. Agora, só me lembro das perguntas dos meus filhos durante o tempo exato que levo para respondê-las.

De vez em quando, reflito sobre isso durante uns cinco segundos – antes de me distrair porque alguém jogou um lego no vaso sanitário outra vez – e extraí uma série de teorias explicativas. Talvez haja alguma explicação científica para esta síndrome de mãe, que pode ser causada por barulho demais.

Menos barulho, mais silêncio

A revista Science of Us informa que vários estudos se propuseram a examinar a neurociência do barulho e descobriram por acaso que o silêncio – não o barulho – é essencial para nossa saúde neurológica.

Um estudo feito em ratos e dirigido por Imke Kirste, bióloga da Duke University, descobriu que “mesmo que todos os sons tenham efeitos neurológicos a curto prazo, nenhum tem um impacto duradouro”, escreve Kirste. “No entanto, para sua surpresa, Kirste descobriu que duas horas de silêncio por dia provocavam o desenvolvimento celular no hipocampo, a região cerebral relacionada à formação da memória e dos sentidos”.

Age como reconstrutores

São notícias estupendas para os pacientes com perdas das faculdades mentais, depressão ou doenças associadas ao crescimento celular reduzido. É incrível que algo tão simples como duas horas de silêncio por dia possa ter profundos benefícios curativos e reconstrutores. Também é fácil chegar à conclusão que, devido aos 12 anos de maternidade que tenho nas costas, o mais provável é que meu hipocampo já tenha falecido.

Infelizmente, ainda me faltam muitos para que eu possa desfrutar de uma exposição diária a esse silêncio doce e bendito. Por isso, a descoberta pode ser um pouco frustrante para as mães de crianças pequenas. Mas, veja, pelo menos agora sabemos que nossa perda de memória tem um motivo. E na próxima vez que alguém quiser saber donde estão os sapatos, podemos dizer: “Não poderei me lembrar de onde estão seus sapatos, a menos que eu fique em absoluto silêncio durante duas horas”.

Será que funciona?

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Depressãosilencio
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
CARLO ACUTIS
John Burger
Como foram os últimos dias de vida de Carlo A...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
nuvens sinais
Reportagem local
Estão sendo fotografados "sinais do céu"?
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Char...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia