Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 25 Julho |
Santa Glodesinda
home iconAtualidade
line break icon

Psicólogos que elaboraram as torturas da CIA vão a julgamento nos EUA

prisioneiro

Shutterstock

Agências de Notícias - publicado em 08/08/17 - atualizado em 08/08/17

Dois psicólogos que ajudaram a elaborar o programa de interrogatórios dos detidos da CIA depois dos ataques de 11 de setembro de 2001 irão a julgamento por incentivar o uso de métodos de tortura como o afogamento simulado e a colocação de prisioneiros em posições estressantes.

Juízes federais do estado de Washington ordenaram a realização de um julgamento com júri, em resposta a um processo de três ex-réus – entre os quais um morreu em uma prisão da CIA depois de duros interrogatórios – e rejeitando os esforços para obrigar a arquivar o caso e evitar uma audiência completa.

O processo, apresentado pela União Americana de Liberdades Civis (ACLU), será o primeiro a envolver o programa de torturas em um julgamento, que será realizado em setembro.

O governo conseguiu evadir iniciativas anteriores com o argumento de que é necessário proteger informações delicadas de inteligência.

O caso envolve os psicólogos James Mitchell e Bruce Jessen, que foram recrutados pela CIA em 2002 para ajudar a preparar e realizar os interrogatórios de suspeitos no âmbito da guerra contra o terrorismo capturados no Afeganistão e em outros lugares.

– “Dia histórico” –

Os dois receberam 80 milhões de dólares por seu trabalho, que incluía ajudar a interrogar Khalid Sheikh Mohammed, o cérebro dos atentados de 11 de setembro de 2001 nos Estados Unidos, atribuídos ao grupo extremista Al-Qaeda, e Abu Zubaydah, outro alto membro da organização.

A ACLU alega que Jessen e Mitchell foram responsáveis, e se beneficiaram economicamente, da tortura ilegal do tanzaniano Suleiman Abdullah Salim, do líbio Mohamed Ahmed Ben Soud e do afegão Gul Rahman.

Os dois primeiros foram libertados após anos de prisão, e Rahman morreu de hipotermia em uma cela de uma prisão da Agência Central de Inteligência americana (CIA) em novembro de 2002, depois do que a ACLU denunciou como duas semanas de “tortura brutal”.

“Este é um dia histórico para nossos clientes e todos os que buscam a prestação de contas pela tortura”, indicou o advogado da ACLU Dror Ladin em um comunicado.

“A decisão da corte implica que, pela primeira vez, as pessoas responsáveis pelo brutal e ilegal programa de torturas da CIA enfrentarão uma responsabilidade legal pelo que fizeram. Nossos clientes esperaram muito tempo por justiça”, afirmou Ladin.

O tribunal descartou os argumentos da defesa dos psicólogos de que eles não eram responsáveis por todas as atividades nas sessões da CIA e não tinham nada a ver com os interrogatórios de dois dos homens envolvidos.

Os acusados também alegaram, entre outras coisas, que não eram responsáveis por tomar as decisões de utilizar as chamadas “técnicas de interrogatório melhoradas” nos casos específicos desses três detidos, senão que apenas proporcionaram à CIA uma lista de métodos a serem escolhidos.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Reportagem local
A arrepiante oração de uma mulher no corredor da morte por ser ca...
2
CROSS;
Reportagem local
O que significa o sinal da cruz feito sobre a testa, os lábios e ...
3
Aleteia Brasil
Sorrisão e joelhos: 2 pais brasileiros e seus bebês que emocionar...
4
Papa Francisco
Reportagem local
Papa: como não culpar Deus diante da morte de um ente querido
5
JENNIFER CHRISTIE
Jeff Christie
Minha mulher engravidou de um estuprador – e eu acolhi o bebê nas...
6
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Charbel disse?
7
PADRE PIO
Philip Kosloski
A oração que Padre Pio fazia todos os dias ao Anjo da Guarda
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia