Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 25 Julho |
home iconReligião
line break icon

Conheça um dos maiores clássicos da literatura cristã de todos os tempos

Domine quo vadis?

Annibale Carracci (1602) - Domínio Público

Aleteia Brasil - publicado em 31/08/17

Este livro contém uma das cenas mais arrepiantes que você lerá na vida

Os cristãos já nasceram sob uma perseguição implacável dos poderosos deste mundo – e continuam sofrendo perseguição implacável até o dia de hoje, apesar do silêncio cúmplice da grande mídia que evita abordar relatórios como o deste link, sobre os números que colocam o cristianismo como a religião mais perseguida do mundo inclusive na atualidade.

Um dos mais famosos e sangrentos períodos de terror humano para os seguidores de Cristo aconteceu sob o império de Nero, que reinou em Roma do ano 54 até 68 d.C.

Para evitar que São Pedro, o Papa, fosse executado pelos perseguidores imperiais daquele tempo, os cristãos da comunidade romana o aconselharam a sair da cidade. O primeiro Papa sentiu com força aquele dilema entre permanecer em Roma e resistir junto com a Igreja nascente ou fugir para a Galileia e pregar o Evangelho a partir de lá.

É nesse contexto que se desenrola a história de uma das mais extraordinárias obras da literatura cristã de todos os tempos: Quo Vadis, do autor polonês Henryk Sienkiewicz.

O título, em latim, significa “Aonde vais?” – e você já vai entender em que contexto aparece esta pergunta.

No relato, o grave contexto de perseguição faz com que Pedro resolva abandonar a Cidade Eterna. De manhã cedo, porém, quando vai atravessar a Porta Latina para sair de Roma, ele é atingido por uma luz intensa que vem na sua direção. Quando a luz se aproxima, ele reconhece Jesus, que vem caminhando com a cruz sobre os ombros.

Pedro cai de joelhos perante o Senhor, ergue-lhe os braços e pergunta em latim:

Quo vadis, Domine?” – ou seja, “Para onde vais, Senhor?”

E Cristo responde:

“Já que abandonas o meu povo, eu vou a Roma para ser crucificado mais uma vez”.

Foi quando o Apóstolo entendeu com toda a clareza que, a exemplo de Cristo, ele também devia ficar em Roma e, se fosse preciso, encarar a morte – e morte de cruz.

Envergonhado por ter tentado poupar-se, mesmo que fosse com a justificativa de continuar pregando o Evangelho em segurança, Pedro voltou a Roma para junto da comunidade perseguida.

E a continuação da história todos nós conhecemos: São Pedro foi preso e sofreu o martírio por Cristo em torno ao ano 64 d.C., crucificado de cabeça para baixo na colina do Vaticano.

Caravaggio Crucificação de Pedro
Caravaggio - Domínio Público
Tags:
História da IgrejaLivrosPerseguiçãoSantos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
1
Reportagem local
A arrepiante oração de uma mulher no corredor da morte por ser ca...
2
CROSS;
Reportagem local
O que significa o sinal da cruz feito sobre a testa, os lábios e ...
3
Aleteia Brasil
Sorrisão e joelhos: 2 pais brasileiros e seus bebês que emocionar...
4
Papa Francisco
Reportagem local
Papa: como não culpar Deus diante da morte de um ente querido
5
JENNIFER CHRISTIE
Jeff Christie
Minha mulher engravidou de um estuprador – e eu acolhi o bebê nas...
6
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Charbel disse?
7
PADRE PIO
Philip Kosloski
A oração que Padre Pio fazia todos os dias ao Anjo da Guarda
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia