Aleteia

E se você me perguntar por que eu te amo, é isso que eu te diria

Cristalov - Shutterstock
Compartilhar
Comentar

Como você descreve a forma como a presença de alguém em sua vida faz de você uma versão melhor de si mesmo? Eis aqui uma resposta

Alguém me perguntou uma vez por que eu te amo e eu não conseguia entender as palavras para responder. Como você descreve a forma como a presença de alguém em sua vida faz de você uma versão melhor de si mesmo? Como você encontra palavras para dizer, em um mundo cheio de confusão e caos, se a única coisa que faz sentido é uma pessoa?

Eu me apaixonei por você pelo jeito que você faz canções para mim.

Eu te amo não só porque eu devo. Porque você conhece meus segredos, que poucos ouvidos conseguem ouvir.

Eu te amo porque você sabe os meus medos, e fica comigo para enfrentá-los.

Pelos sonhos em que você acredita, mesmo quando tenho dúvidas.

Eu te amo porque você pode dizer com apenas um olhar, que tipo de dia eu estou tendo.

Porque você consegue descrever com poucas palavras, o que está acontecendo de errado na minha vida.

Eu te amo por aceitar cada falha, e construir as minhas forças.

Eu te amo porque você me liga para saber como está o meu dia.

Mas, eu amo a nossa capacidade de perdoar um ao outro e sempre encontrar o nosso caminho de volta.

Eu te amo porque você me conhece melhor do que eu mesmo.

Porque você está perto de mim, mesmo quando estamos a milhas de distância.

Eu amo como podemos ir embora, mas ainda andarmos juntos.

Porque você me respeita, e ao fazê-lo, você me ensinou a me respeitar.

Eu te amo por cada risada, isso me faz sorrir com lágrimas.

Porque você seca qualquer lágrima, e você nunca as causou, em primeiro lugar.

Eu te amo porque você me faz sentir a mulher mais linda que existe.

Por quão protetor você é para mim.

Eu amo o jeito que você me ama também.

Pela forma como nossos dedos se entrelaçam perfeitamente.

Eu te amo por cada abraço e como você sempre me abraça cada vez mais.

Ou como você sempre me deixa ser a primeira a me afastar.

Eu te amo por cada capricho.

E por tudo que você acha como uma falha, mas eu vejo como belo.

Porque você me entende, de maneiras que eu ainda não me entendo.

Eu te amo por cada beijo, cada sorriso, por cada risada, por toda memória, por tudo que você é, e tudo o que você me faz, para melhor ou pior. Eu te amo sem saber por que ou como, tudo que eu sei é que eu não quero parar.

 

(via Proseando Poesia)

Boletim
Receba Aleteia todo dia