Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 14 Abril |
São Telmo
home iconAtualidade
line break icon

NY recebe maratona sob rígido esquema de segurança cinco dias após atentado

Shutterstock

Agências de Notícias - publicado em 05/11/17

Na terça-feira passada, em Nova York, Sayfullo Saipov avançou com uma caminhonete contra ciclistas e pedestres

Os nova-iorquinos demonstraram neste domingo (5) sua vontade de resistir às ameaças terroristas durante a mais famosa maratona do mundo, disputada sob rígidas medidas de segurança, cinco dias após o primeiro atentado com mortes na cidade desde 11 de setembro de 2001.

A cidade reforçou a segurança para a corrida, estacionando caminhões de areia para evitar ataques com veículos, colocando policiais extras no telhados e mobilizando unidades contra franco-atiradores.

Centenas de oficiais uniformizados fizeram a segurança ao longo da rota, enquanto agentes à paisana se misturavam à multidão de espectadores.

Em uma entrevista transmitida neste domingo, quando começou sua viagem pela Ásia, o presidente Donald Trump insistiu em que os americanos não precisam aceitar o terrorismo como inevitável.

“Não podemos simplesmente dizer: ‘bem, isso vai acontecer, vamos nos acostumar’. Não podemos permitir que isso aconteça”, disse ele no programa de televisão Full Measure.

“Posso lhe dizer que a administração Trump está ficando cada vez mais dura”, frisou.

A ideia de uma possível ameaça foi constante em Nova York. No Central Park, local da linha de chegada, a voz de uma mulher avisava repetidamente antes da corrida: “fiquem atentos o tempo todo”.

Mais de 50.000 participantes, dos Estados Unidos e de vários países, e 2,5 milhões de espectadores eram esperados nas ruas de Nova York para a maratona.

Na quarta-feira, o prefeito Bill de Blasio confirmou a realização do evento, um dia depois do atentado que deixou oito mortos e 12 feridos em Manhattan, perto do memorial em homenagem às vítimas do 11 de Setembro.

“Esperamos com impaciência a maratona de domingo. Teremos proteção, como sempre existe, e vamos adotar medidas adicionais de segurança”, frisou.

A segurança já havia sido reforçada em 2013, depois do atentado contra a maratona de Boston, outra cidade da costa leste dos Estados Unidos, onde dois jovens chechenos explodiram bombas de fabricação caseira perto da linha de chegada. Esse ataque deixou três mortos e mais de 250 feridos.

No bairro de Bay Ridge, no Brooklyn, Jean Schnell esperava para ver sua filha correr. O ataque de terça a deixou nervosa, admitiu, especialmente porque ela é de Boston.

“Isso me deixou tensa para vir a Nova York, e ela correr… Mas nós viríamos apoiá-la de qualquer jeito, então não fez nenhuma diferença”, declarou.

Na terça-feira passada, em Nova York, Sayfullo Saipov avançou com uma caminhonete contra ciclistas e pedestres em uma ciclovia de Manhattan. O uzbeque de 29 anos disse pertencer ao grupo extremista Estado Islâmico (EI), que reivindicou o atentado, e afirmou que escolheu o dia de Halloween “para ter certeza de que muitas pessoas estariam nas ruas”.

Para os grandes nomes do atletismo americano, correr neste domingo, em um percurso que passa pelo Brooklyn e pelo Central Park, permitirá demonstrar que a “Big Apple” é uma “cidade resiliente”, afirmou Meb Keflezighi.

“Queremos ser um exemplo”, destacou o atleta de 42 anos que encerrará sua carreira após a maratona.

“Com certeza, disputaremos esta prova com sentimentos divididos. Podemos estar preocupados, mas eu fico preocupado antes de cada prova desde que um homem se jogou sobre o brasileiro Vanderlei Cordeiro de Lima quando ele liderava a maratona dos Jogos Olímpicos de Atenas”, completou Klefezighi, medalhista de prata justamente na maratona de Atenas-2004 e vencedor da maratona de NY em 2009.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
PRINCE PHILIP
Cerith Gardiner
11 fatos interessantes sobre o falecido príncipe Philip
2
MIGRANT
Jesús V. Picón
O menino perdido no deserto nos convida a refletir
3
DIVINE MERCY
Reportagem local
Como obter indulgência plenária no Domingo da Divina Misericórdia...
4
LOVE AND MERCY FILM
Aleteia Brasil
O filme sobre Santa Faustina e a Divina Misericórdia já está disp...
5
Pe. Gabriel Vila Verde
Reportagem local
Ditadores proibiram missas ao longo da história, recorda pe. Gabr...
6
Jim Caviezel
J-P Mauro
Jim Caviezel fez o que pode ser considerado um dos maiores discur...
7
Aleteia Brasil
Havia um santo a bordo do Titanic?
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia