Aleteia
Segunda-feira 26 Outubro |
São Fulco
Atualidade

Bebê de 28kg intriga médicos no México

MEDICINE

Andrei_r - Shutterstock

Agências de Notícias - publicado em 12/11/17

Luis Manuel Gonzales é quase como qualquer bebê de 10 meses: balbucia as primeiras palavras e quer tocar em tudo. Mas uma diferença dramática coloca a sua vida em risco: ele pesa 28kg, e seu pai ganha pouco mais de 200 dólares por mês.

O caso deste bebê, que, no entanto, não exige comida constantemente, faz parte do universo de crianças que sofrem de obesidade e diabetes infantil, que o México lidera em nível mundial. Mas as causas do seu excesso de peso são desconhecidas.

Luisito nasceu em 15 de dezembro de 2016, com 3,5 kg e 52cm, quase o mesmo que seu irmão Mario, 2, que, ao seu lado, parece pequeno. Aos 2 meses, Luisito já pesava 10kg, e, nos oito meses seguintes, triplicou de peso. “Eu achava que era porque meu leite era bom”, disse à AFP a mãe do bebê, Isabel Pantoja, 24, moradora do município de Tecomán, no estado mexicano de Colima.

Os pais de Luis Manuel criaram uma página no Facebook e uma conta bancária para receber doações que os ajudem a custear as despesas médicas. Os dois se revezam para levar o bebê ao hospital, onde ele realiza exames de sangue frequentes.

A preocupação dos pais de Luis Manuel aumentou quando um pediatra disse que o bebê poderá precisar de injeções de hormônios no valor de 555 dólares cada.

Uma das principais teorias é a de que Luis Manuel sofra da síndrome de Prader-Willi, que deixa as crianças sem o regulador de saciedade, provoca atraso mental, “músculos fracos de gelatina”, problemas cardíacos e afeta o desenvolvimento dos órgãos sexuais.

“Às vezes, precisamos levá-lo três ou quatro dias por semana ao hospital” da capital do estado, Colima, conta o pai, Mario Gonzales.

Para a família, os passeios pelo povoado acabaram. O bebê, que usa fraldas de adulto, fica cansado após passar meia hora na mesma posição, e temos que carregá-lo e caminhar com ele”, diz Gonzales, que, assim como a mulher, não perde o bebê de vista.

Durante a entrevista, Luisito dá gargalhadas quando coçam a sola de seus pés, explora com a boca qualquer objeto que lhe é dado, e observa com curiosidade os equipamentos de foto e vídeo dos jornalistas, comportando-se como qualquer criança de sua idade, e passando muitas horas do dia sem pedir comida.

O que ele não pode fazer, lamenta a mãe, “é engatinhar, não pode caminhar. Não podemos trazê-lo em um andador, como as outras crianças de 10 meses, mas, fora isso, “já se senta, sustenta a cabecinha e tenta segurar sozinho a mamadeira”, conta Isabel.

O pai de Luis Manuel, operário em uma fábrica de brinquedos, conta, preocupado, que a mulher “está começando a sentir os efeitos do peso do bebê”.

– Suspeita esperançosa –

Há cerca de um mês, a família foi contactada pela cirurgiã especializada em Nutrição Clínica Silvia Orozco, do centro Zone Diet México, sistema criado por um nutricionista americano, o que renovou a confiança no futuro de Luis Manuel.

“Ele tem gordura no fígado, pulmão e coração. Sua vida corre muito risco, mas esperamos poder ajudá-lo a tempo”, disse Silvia à AFP. Ela aguarda o resultado das últimas amostras enviadas aos Estados Unidos.

A médica espera que as análises confirmem que o bebê não tem a síndrome Prader-Willi, e que sua obesidade se deva a um aumento celular excessivo provocado pela falta de nutrientes anti-inflamatórios durante a gestação, o que teria provocado “um funcionamento deficitário da tireoide, de suas glândulas suprarrenais, responsáveis pelo metabolismo”.

Neste caso, o tratamento seria hormonal, diz Silvia sobre o diagnóstico do bebê, que se alimenta apenas de fórmula de leite reduzida em gorduras, leite materno e papinhas de legumes e frutas.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Saúde
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa Francisco e casais homossexuais: o que e...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
SAINT MICHAEL
Philip Kosloski
Oração a São Miguel por proteção contra inimi...
Rosário
Philip Kosloski
Benefícios do Rosário: 3 virtudes que aprende...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia