Aleteia
Segunda-feira 26 Outubro |
São Fulco
Atualidade

Mundo tem mais de 40 milhões de escravos

UN IST PHOTO | Tobin Jones.

Two young boys carrying water walk down a road next to an IDP camp near the town of Jowhar, Somalia, UN IST PHOTO | Tobin Jones.

Agências de Notícias - publicado em 26/11/17

Vários estudos estabeleceram claramente ligações entre migrações e o tráfico de seres humanos

A recente revelação da venda de migrantes africanos na Líbia não é um caso isolado: mais de 40 milhões de pessoas no mundo, incluindo um quarto de crianças, vivem em regime de escravidão, segundo um estudo de 2016.

A noção de escravidão moderna engloba o trabalho forçado, que afeta 25 milhões de pessoas, e o casamento forçado (15 milhões). Mas esses números são, sem dúvidas, subestimados, ressaltam a Organização Mundial do Trabalho (OIT), a Organização Internacional para as Migrações (OIM) e o grupo de defesa dos direitos humanos Walk free Foundation que realizaram o estudo em conjunto.

– Trabalho forçado –

Cerca de 25 milhões de pessoas são trabalhadores forçados, principalmente em casas particulares (um quarto), mas também em fábricas, em construções, nos campos.

O estudo cita o exemplo de 600 pescadores retidos em barcos em águas indonésias durante muitos anos.

Mais da metade desses escravos ficam detidos em razão de dívidas. Mas também podem ser ligados a seus algozes porque são viciados, mal pagos, abusados fisicamente ou simplesmente porque estão muito longe de casa para fugir.

Entre os trabalhadores forçados, cerca de 5 milhões de pessoas são forçadas a se prostituir e um pouco mais de 4 milhões são vítimas de trabalho imposto pelo país (trabalho obrigatório na prisão, abuso de recrutamento…)

– Mulheres e meninas –

Mulheres e meninas representam 71% dos escravos, o que representa quase 29 milhões de pessoas. Uma a cada quatro vítimas da escravidão moderna é criança, cerca de 10 milhões de indivíduos.

Cerca de 15,4 milhões de pessoas são casadas contra sua vontade. Mais de um terço são menores de 18 anos e, nesses casos, são quase todas mulheres. Esta forma de escravidão é especialmente prevalente na África e na Ásia.

Além disso, as mulheres representam 99% das vítimas do trabalho forçado na prostituição.

– Ásia –

Cerca de 62% dos casos de “escravidão moderna” foram revelados na Ásia e no Pacífico. Esta região é a primeira em número de vítimas, seja por exploração sexual (73%) ou casamentos forçados (55%).

Mas é na África que os casamentos forçados são mais frequentes, 4,8 para cada 1.000 pessoas, ou seja duas vezes mais que a frequência mundial (2,1 por 1.000).

– Os migrantes –

“Vários estudos estabeleceram claramente ligações entre migrações e o tráfico de seres humanos”, ressalta este estudo, que evoca as rotas percorridas pelos migrantes.

Três-quartos dos migrantes entrevistados em 2017 na rota entre a Líbia e a Europa, pela Organização Internacional para as Migrações (OIM), disseram que foram vítimas de abusos compatíveis com tráfico humano.

“Os clandestinos, suscetíveis de serem vítimas de agressões, extorsões, abusos sexuais, podem, no início do percurso, decidir voluntariamente se colocam suas vidas nas mãos de traficantes”, aponta o estudo da OIT.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Pecado
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Papa Francisco
Francisco Vêneto
Papa Francisco e casais homossexuais: o que e...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
SAINT MICHAEL
Philip Kosloski
Oração a São Miguel por proteção contra inimi...
Rosário
Philip Kosloski
Benefícios do Rosário: 3 virtudes que aprende...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia