Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sábado 22 Janeiro |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Papa volta a pedir sensatez e prudência a respeito de Jerusalém

PAPIEŻ FRANCISZEK PODCZAS NAUCZANIA

AFP/EAST NEWS

Agências de Notícias - publicado em 10/12/17 - atualizado em 10/12/17

"O Santo Padre volta a pedir sensatez e prudência de todos"

O papa Francisco voltou a pedir neste domingo em um comunicado “sensatez e prudência”, após a decisão polêmica dos Estados Unidos de reconhecer Jerusalém como capital de Israel.

“O Santo Padre volta a pedir sensatez e prudência de todos e faz orações fervorosas para que os dirigentes das nações, neste momento particularmente grave, se comprometam a evitar uma nova espiral de violência”, afirma o comunicado divulgado pelo Vaticano.

O papa Francisco já havia expressado preocupação na quarta-feira ao pedir “respeito ao status quo” de Jerusalém, de acordo com as resoluções das Nações Unidas.

O Vaticano destacou neste domingo que acompanha com “grande atenção” a situação no Oriente Médio, e especialmente em Jerusalém, “cidade sagrada para judeus, cristãos e muçulmanos do mundo inteiro”.

O pontífice também pediu aos líderes internacionais que “respondam com atos e palavras aos desejos de paz, justiça e segurança das populações destas terras martirizadas”.

E antes do início das reuniões convocadas pela Liga Árabe e a Organização para a Cooperação Islâmica, o Vaticano “recorda sua posição bem conhecida no que diz respeito ao caráter único da Cidade Sagrada (Jerusalém) e à necessidade absoluta de respeitar o status quo, em acordo às decisões da comunidade internacional”.

A Santa Sé também recorda que “apenas uma solução negociada entre israelenses e palestinos pode levar a uma paz estável e duradoura e garantir uma coexistência pacífica entre dois Estados dentro de fronteiras reconhecidas internacionalmente”.

Na quarta-feira, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reconheceu Jerusalém como capital de Israel, uma decisão duramente criticada pela comunidade internacional.

Nos territórios palestinos foram registrados confrontos por três dias consecutivos.

O papa Francisco expressou sua “dor” após os confrontos.

(AFP)

Tags:
PapaPapa Francisco
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia