Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 29 Outubro |
São Colmano
home iconReligião
line break icon

2018: um ano que a Igreja quer dedicar especialmente a você, leigo católico!

Young Praying

© Philippe Lissac / GODONG

Pe. Gabriel Vila Verde - publicado em 07/01/18

Clique e descubra a riqueza da sua missão

A CNBB, em 2018, propõe à Igreja um aprofundamento sobre a importância dos leigos. É uma novidade, e ao mesmo tempo não é. Novidade porque será um ano específico. Não é, porque os leigos sempre estiveram presentes na missão da Igreja e, sem eles, não haveria necessidade de pastores.

Há quem diga que, por um bom tempo, os leigos não tinham vez, mas isto não corresponde à verdade histórica, até porque nunca faltou na Igreja, associações e movimentos liderados por leigos. Basta pensar nas “Ordens Terceiras”. É claro que, nos dias atuais, o papel dos leigos é mais reconhecido, porém sempre existiu.

Primeira coisa: Quem é leigo?

Resposta: Aquele que não é clérigo.

Alguém deixa de ser leigo quando é ordenado Diácono, podendo ser no futuro um presbítero (padre) ou epíscopo (bispo). Todos os outros na comunidade, são leigos, ou seja, não exercem funções do ministério ordenado.

O Catecismo afirma que “nas comunidades eclesiais, a ação deles é tão necessária que sem ela o apostolado dos pastores não pode, a maior parte das vezes, obter seu pleno efeito” (CIC 900). Os leigos são as mãos e os pés do sacerdote. Imagine uma Paróquia com 60 comunidades, num município com 60 mil habitantes e apenas um Padre. Como o apostolado iria funcionar??? Apenas com a ajuda dos leigos.

No Novo Testamento, vemos que, tanto nos Evangelhos como nas Cartas, os leigos tiveram missões importantes. As mulheres que seguiam Jesus (Lc 8, 1-3), os amigos de São Paulo que o ajudavam nas suas andanças (2Tm 4, 19), etc. Quando Jesus nasceu, os seus primeiros adoradores foram os leigos (Lc 2, 15-20).

É comum ver nas redes sociais, um bom número de pessoas que vivem criticando os seus pastores e proclamando, do alto dos seus sofás, como a Igreja deveria agir. Seria muito mais proveitoso, se os mesmos se colocassem à disposição para visitar os hospitais, auxiliar nas catequeses, evangelizar as comunidades periféricas, ajudar na Pastoral do Dízimo, enfim. Agir é muito mais produtivo que falar.

O LEIGO, para cumprir bem a sua função, precisa ter consciência de duas coisas:

1 – Ele é um batizado, e por isso tem a obrigação de anunciar o Evangelho. Também se faz necessário o engajamento em alguma pastoral ou movimento, de acordo com o seu carisma e/ou espiritualidade.

2 – Ele não é clérigo. Portanto, não se pode colocar acima dos dos pastores, como se não dependesse dos mesmos. Até porque a Igreja vive da Eucaristia, e somente o Ministro ordenado pode consagrar as espécies eucarísticas.

Costumamos rezar para que Deus mande vocações sacerdotais, mas também devemos pedir que Ele envie bons leigos para a messe. Homens e mulheres que, antes de tudo, façam a opção pela santidade e que dediquem parte do seu tempo para a evangelização. Arrisco-me a dizer que, vale mais a pena uma paróquia com bons leigos e um mau pastor, que um bom pastor cercado de maus leigos.

Que este Ano do Laicato, seja muito frutuoso para a Igreja do Brasil.

(via Pe. Gabriel Vila Verde)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Católicosleigos
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
OLD WOMAN, WRITING
Cerith Gardiner
A carta de uma irlandesa de 107 anos sobre co...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia