Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 21 Abril |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Relógio nuclear avança e está a ‘dois minutos da meia-noite’

FRANCE,TEST,NUCLEAR,WEAPONS

Galerie Bilderwelt | GettyImages

Agências de Notícias - publicado em 26/01/18

A última vez que o relógio esteve dois minutos antes da meia-noite foi em 1953

O “Doomsday Clock” (Relógio nuclear), que simboliza a iminência de um cataclismo mundial, avançou e está a dois minutos da meia-noite, especialmente por causa do risco crescente de uma guerra nuclear e do quão “imprevisível” pode ser o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

O Boletim dos Cientistas Atômicos disse nesta quinta-feira (25) que o relógio avançou 30 segundos, ficando tão perto como nunca da hora do Apocalipse. Ele é apenas um indicador simbólico de como a ciência enxerga o perigo que a humanidade sofre a cada ano. Seu horário é decidido pelo Comitê de Ciência e Segurança do Bullet of Atomic Scientists (BPA) – este comitê é composto por físicos e cientistas do mundo todo, dentre eles, 15 premiados Nobel.

A última vez que o relógio esteve dois minutos antes da meia-noite foi em 1953, quando os Estados Unidos e a antiga União Soviética realizavam testes de bombas de hidrogênio.

“Nas discussões deste ano, mais uma vez os assuntos nucleares se colocaram no centro do cenário”, disse Rachel Bronson, presidente e diretora executiva do Boletim dos Cientistas Atômicos.

Bronson mencionou os novos testes realizados pela Coreia do norte, um maior compromisso com as armas nucleares de China, Paquistão e Índia, assim como as “imprevisíveis” declarações do presidente dos Estados Unidos no Twitter.

O “Doomsday Clock” foi criado em 1947. Seu horário já mudou 20 vezes desde então, em uma faixa que vai de dois minutos para a meia-noite, em 1953, a 17 minutos antes da meia-noite, em 1991.

No último ano, ele se moveu de três minutos antes da meia-noite para dois minutos e meio.

(AFP)

Tags:
Guerra
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia