Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 29 Outubro |
São Colmano
home iconAtualidade
line break icon

Turquia tenta calar as vozes críticas da ofensiva na Síria

engin akyurt

Agências de Notícias - publicado em 30/01/18

As autoridades turcas prenderam nesta terça-feira 11 integrantes de um sindicado de médicos que criticaram a ofensiva no norte da Síria, uma estratégia para silencia as vozes discordantes.

A União de Médicos da Turquia (TTB) anunciou que 11 membros da direção (conselho central) do sindicato foram detidos, entre eles o presidente Rasit Tükel.

A agência estatal Anadolu informou oito detidos e a emissão de ordens de prisão contra os outros três integrantes.

A Promotoria de Ancara abriu uma investigação contra a TTB depois que o ministério do Interior apresentou uma demanda contra o sindicato por ter publicado um comunicado que criticava, implicitamente, a ofensiva por representar um “problema de saúde pública”.

O comunicado enfureceu o presidente turco Recep Tayyip Erdogan, que criticou a TTB no fim de semana.

“Dizendo não à guerra, dizem sim à tirania. É uma bazófia, a esta posição desonrosa que devemos dizer não”.

Com mais de 83.000 membros, a TTB é uma das principais associações de médicos na Turquia. Na sexta-feira, o sindicato afirmou ter recebido ameanaças.

Os diretores da TTB detidos são suspeitos, segundo a Anadolu, de “legitimar as ações de uma organização terrorista, de elogiar crimes e criminosos e de incitação ao ódio”.

Na segunda-feira, o ministério da Saúde pediu à justiça a destituição dos membros do conselho central da TTB.

“A TTB se torniu alvo por ter expressado uma posição perfeitamente legítima de oposição à operação militar em Afrin”, declarou à AFP Andrew Gardner, pesquisador da Anistia Internacional especializado em Turquia.

“O governo turco deveria ter protegido o sindicato, porque seus membros e escritórios foram alvos de ameaças. As últimas detenções apenas alimentam a campanha contra eles”, completou.

Desde 20 de janeiro, a Turquia realiza uma ofensiva na região de Afrin, noroeste da Síria, contra a milícia curda das Unidades de Proteção Popular (YPG), considerada “terrorista” por Ancara, mas uma aliada importante dos Estados Unidos na luta contra o grupo Estado Islâmico (EI).

As YPG estão ligadas ao Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), um grupo que trava uma guerrilha em território turco desde 1984 e que Ancara e seus aliados ocidentais consideram “terrorista”.

Desde o início da operação, Erdogan defende a unidade nacional e afirma que os que se manifestam contra a ofensiva pagarão “um preço muito caro”.

Mais de 300 pessoas foram detidas sob a acusação de “propaganda terrorista” nas redes sociais contra a operação em Afrin.

Vários líderes locais do partido pró-curdo da Turquia, o HDP, também foram detidos desde o início da ofensiva.

O HDP pediu à comunidade internacional uma “ação imediata” para acabar com a operação turca, que chamou de “invasão”.

Além do comunicado da TTB, um grupo de 170 pessoas, integrado por ex-ministros, atores e escritores, assinou uma carta que pede o fim da guerra. Erdogan chamou de “traidores” os signatários do texto.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
OLD WOMAN, WRITING
Cerith Gardiner
A carta de uma irlandesa de 107 anos sobre co...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia