Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Segunda-feira 19 Abril |
São Galdino
home iconHistórias Inspiradoras
line break icon

Crianças doentes em estágio terminal respondem: o que importa mais na vida?

CHILD SICK

Jeep5d I Shutterstock

Mathilde de Robien - publicado em 22/02/18

Esses pequenos estão recebendo cuidados paliativos – mas acabam receitando o verdadeiro tratamento para nós, adultos

O Dr. Alastair McAlpine é um pediatra sul-africano especializado em cuidados paliativos. Recentemente, ele perguntou aos seus pequenos pacientes na Cidade do Cabo o que é mais importante para eles na vida. No começo deste mês, o médico postou em sua conta no Twitter as respostas que as crianças deram a essas duas perguntas:

De que você mais gosta na vida?

O que dá significado à sua vida?

Antes de listar as respostas, o pediatra alerta os adultos: “As crianças podem demonstrar muita sabedoria”.

A importância da família

Todas as crianças doentes consideram, por unanimidade, que não há nada mais importante do que passar o tempo com a família, amando e sendo amadas.

“Ninguém me ama como a minha mãe me ama!”

Algumas crianças mostram um grau impressionante e comovente de lucidez e de empatia em relação aos pais. Longe de olharem para o próprio umbigo, elas pensam primeiro no bem-estar dos pais:

“Eu espero que a mamãe fique bem. Ela parece triste”.“O papai não precisa se preocupar. A gente vai se encontrar de novo logo, logo”.“Deus vai cuidar da mamãe e do papai quando eu for embora”.

As marcas da bondade e da amizade

As crianças reconhecem a bondade dos seus entes queridos e a destacam expressamente:

“A vovó é muito boa comigo. Ela sempre me faz sorrir”.“Eu gosto quando vem a enfermeira Tal. Ela é boazinha, me trata muito bem e aí me dói menos”.

A amizade sincera também é muito importante para as crianças. O pediatra comenta: “Muitas delas gostariam de ter passado menos tempo se preocupando com o que os outros pensavam delas e de ter valorizado mais quem as tratava de um jeito ‘normal’“. E cita o que as próprias crianças lhe disseram:

“Os meus amigos de verdade não se importaram quando o meu cabelo caiu”.“A Jane veio me visitar depois da operação e nem percebeu a minha cicatriz!”

Tempo de qualidade

Televisão? Facebook? Nada mais longe da realidade: os momentos favoritos que eles mencionam envolvem a companhia da família, os mimos, a praia, as risadas, os pais lendo histórias para eles à noite. O riso e o sorriso aliviam a dor, recorda o médico.

“Depois que eu melhorar, quero ser um grande detetive como o Sherlock Holmes”.“Eu adoro quando a minha irmã me abraça!”“Eu fiz castelos enormes de areia!”“O meu pai faz umas caretas que eu adoro!”

Uma mensagem com duplo significado

Com base em todos esses testemunhos memoráveis, Alastair McAlpine se dirige assim a todas as crianças do mundo:

“Sejam bondosos. Leiam mais livros. Passem mais tempo com a sua família. Contem histórias engraçadas. Vão se divertir na praia ou no campo. Abracem o seu cachorro. Digam para aquela pessoa especial que vocês a amam. São estas as coisas que essas crianças gostariam de ter feito com mais frequência”.

Esta mensagem é também para os pais – e para todos os adultos. Sejamos bondosos, gentis, presentes, carinhosos, alegres, se quisermos que as nossas crianças também sejam. Não será a carência dessas atitudes a nossa verdadeira doença?

VEJA TAMBÉM:

Como ser o pai de um menino que vai morrer

Gaspard dans les bras de son papa © Facebook / Gaspard, entre Terre et Ciel

Gaspard dans les bras de son papa © Facebook / Gaspard, entre Terre et Ciel
Tags:
EsperançaFamíliaFilhosLutoMorteSaúdeValores
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens poderosas
2
MIGRANT
Jesús V. Picón
O menino perdido no deserto nos convida a refletir
3
Ordenação sacerdotal
Francisco Vêneto
Ex-testemunha de Jeová será ordenado padre católico aos 25 anos
4
BENEDICT XVI
Reportagem local
Em nova e extensa biografia, Bento XVI desmascara o atual “...
5
MARY, CRUSH, SNAKE
Desde la Fe
10 poderosas armas para lutar contra o demônio
6
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
7
SPANISH FLU
Bret Thoman, OFS
Como o Padre Pio encarou a pandemia de gripe espanhola
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia