Aleteia
Quinta-feira 22 Outubro |
São Moderano
Religião

Papa desafia os jovens: "Não retoquem suas fotos! Chega de identidades falsas!"

Pope General Audience

Antoine Mekary | ALETEIA | I.MEDIA

Ary Waldir Ramos Díaz - Reportagem local - publicado em 22/02/18

E mais desafios: "Saiam do seu quarto escuro para encontrar os outros!"

A Jornada Mundial da Juventude (JMJ) acontece todos os anos, mas o seu “cenário” se alterna entre os encontros nas dioceses e os grandes encontros internacionais. Exemplos deste último caso são a JMJ do Rio em 2013, a de Cracóvia em 2016 e a do Panamá agendada para janeiro de 2019. Por sua vez, anos como 2017 e 2018 celebram a JMJ no âmbito diocesano, sem que por isso o evento deixe de ser mundial, já que as dioceses de todo o planeta a celebram conjuntamente, “em um só espírito”.

Na sua mensagem para a JMJ de 2018, o Papa Francisco pediu que os jovens sonhem, façam um bom discernimento e dialoguem com os outros, para não se apagarem na escuridão de uma “sala fechada, na qual a única janela para o mundo é o computador ou o smartphone“.

O bispo de Roma usa na mensagem as palavras do Arcanjo Gabriel, mensageiro de Deus enviado “a Maria, uma simples jovem de uma pequena cidade da Galileia. O anjo, que lê nas profundezas de seu coração, lhe diz: ‘Não temas’! Deus também lê os nossos corações. Ele conhece bem os desafios que temos”.

Abram as portas da sua vida“, convidou o Papa, exortando os jovens (de todas as idades) a dedicarem tempo e espaço a “pessoas concretas, relacionamentos profundos com aqueles que podem compartilhar experiências autênticas e reais em suas vidas diárias“.

Não tenham medo!

Que medos vocês têm?“, perguntou Francisco aos jovens. E observou que os jovens sofrem com o medo de “não serem amados, queridos, de não serem aceitos como são“. O Papa comenta: “Hoje, muitos jovens se sentem obrigados a ser diferentes do que realmente são para tentar se adaptar a padrões geralmente artificiais e inalcançáveis“.

Ele menciona o caso dos que fazem retoques fotográficos “contínuos” na sua imagem, escondendo-se atrás de máscaras e falsas identidades até se tornarem “pessoas fake“.

O Papa também falou da obsessão, nas redes sociais, de receber o máximo possível de aprovações. É que “a inadequação produz muitos medos e incertezas“, observou Francisco, acrescentando que outros jovens “temem não encontrar segurança emocional e permanecerem sozinhos“. Há também o medo de ser vítimas da “precariedade do trabalho” e de não conseguir “uma situação profissional satisfatória“. Em suma: “São medos que estão presentes hoje em muitos jovens, tanto crentes quanto não crentes“.

Façam um bom discernimento

O discernimento é essencial“, disse o Papa, porque “nos permite pôr em ordem a confusão dos nossos pensamentos e sentimentos, para agir de forma justa e prudente“.

Francisco propõe identificar os medos com clareza, “para não perder tempo e energia com fantasmas que não têm face nem consistência. Não tenham medo de olhar com sinceridade para os seus medos, reconhecê-los com realismo e enfrentá-los“.

E completou: “A Bíblia não nega o sentimento humano de medo e as suas muitas causas“. Abraão teve medo (ver Gn 12, 10s.), Jacó teve medo (ver Gn 31,31; 32,8), assim como Moisés (ver Ex 2,14; 17,4), Pedro (cf. cf Mt 26,69ss.) e os Apóstolos (Mck 4,38-40, Mt 26,56). O próprio Jesus, embora em nível incomparável, experimentou a humana sensação do medo e da angústia (Mt 26,37, Lc 22,44).

Mas a fé supera o medo: “Nós devemos reagir, nunca nos fecharmos! Nas Sagradas Escrituras encontramos 365 vezes a expressão ‘Não temas’, com todas as suas variações. É como se nos dissesse que, todos os dias do ano, o Senhor nos quer livres do medo“.

Conversem!

Francisco insiste na importância de falar com os outros, com “os nossos irmãos e irmãs na fé, que têm mais experiência e nos ajudam a ver melhor e a escolher entre as diferentes opções. O outro não deve ser entendido apenas como o guia espiritual, mas também como aquele que nos ajuda a abrir-nos para todas as riquezas infinitas da existência que Deus nos deu“.

Sonhem!

O Papa convida os jovens a criarem espaços nas cidades e comunidades para “crescer, sonhar, olhar para novos horizontes“, aproveitando o “encontro, a amizade, o prazer de sonhar juntos, de caminhar com os outros. Os cristãos autênticos não têm medo de se abrir aos outros, de compartilhar o seu espaço vital e transformá-lo em espaço de fraternidade“.

Tenham coragem!

O medo some quando entendemos que Deus nos chama pelo nome. O anjo, o mensageiro de Deus, chamou Maria pelo nome. Ele destacou aspectos como a identidade e a vocação. “O chamado divino, sendo pessoal e único, exige que tenhamos a coragem de nos separar da pressão homogeneizadora dos lugares comuns“.

Por isso o Papa pede aos jovens que tenham “coragem para viver a nossa fé sem escondê-la nem diminuí-la“.

Amem!

Francisco declarou que confia nos jovens e na Igreja e pediu que eles também confiem na Igreja: uma Igreja “em saída“, mariana, “que ultrapassa os seus limites e confins para espalhar a graça recebida“.

Para isso, ele evoca o exemplo de Maria: “Convido vocês a continuarem contemplando o amor de Maria: um amor atento, dinâmico e concreto. Um amor cheio de audácia e completamente projetado para o dom de si mesmo. Se nos deixarmos contagiar pelo exemplo de Maria, viveremos a caridade de forma concreta“.

E agregou: “Podemos amar também aqueles que não são muito agradáveis. É um amor que se torna serviço e dedicação, especialmente para com os mais fracos e os mais pobres, que transforma o nosso rosto e nos enche de alegria“.

Encarem o desafio!

O Papa convidou os jovens a aceitarem o desafio da JMJ, que “é para os valentes, não para os jovens que só buscam o conforto e que recuam diante das dificuldades. Você aceita o desafio?

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
JMJJuventudeMedoPapa Francisco
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
CARLO ACUTIS
John Burger
Como foram os últimos dias de vida de Carlo A...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
nuvens sinais
Reportagem local
Estão sendo fotografados "sinais do céu"?
Papa Francisco São José Menino Jesus
ACI Digital
Papa Francisco reza esta oração a São José há...
violência contra padres no Brasil
Francisco Vêneto
Outubro de cruz para padres no Brasil: um per...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia