Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

6 dicas para lidar com crianças que não gostam de ouvir

Por George Rudy/Shutterstock
Compartilhar

Os fones de ouvido, a televisão e o videogame parecem mais importantes que você? Saiba por que isso acontece e o que fazer nesses momentos

Lidar com crianças que não gostam de ouvir pode ser um verdadeiro teste de paciência. Os pais muitas vezes pesam que se o filho não ouve, não presta atenção, parece distraído o tempo todo, é um sinal de desrespeito.

Verdade seja dita, nem sempre é respeito. É também um estágio pelo qual a criança passa enquanto tenta entender o mundo e à medida que a influência dos pais começa a diminuir, ao longo do seu amadurecimento. Por isso pode parecer desrespeito, porém, provavelmente, isso tem mais a ver com o seu desenvolvimento social do que com qualquer outra coisa.

Mesmo com essa perspectiva, pode ser desconcertante quando a televisão, os fones de ouvido ou os videogames se tornam mais importantes do que as comunicações importantes da Mãe e do Pai. Por isso separei 6 dicas que vão lhe ajudar a lidar com crianças que não gostam de ouvir.

1. Escolha a hora certa para conversar

 

6 dicas para lidar com crianças que não gostam de ouvir - 01

Os pais muitas vezes querem conversar e ser ouvidos quando acham que a hora é certa, mas pode ser útil ter certeza de que você está escolhendo um momento em que a criança esteja pronta para ouvir. Bem no meio de um jogo ou outra conversa pode não ser tão eficaz quanto um pouco mais tarde. Tente algo como: “Eu posso ver que você está ocupado agora; haverá uma pausa em alguns minutos quando poderemos conversar?”

2. Peça que repitam o que ouviram

 

6 dicas para lidar com crianças que não gostam de ouvir - 05

Uma técnica que podemos usar quando as crianças se distraem durante uma conversa é pedir que repitam o que dissemos para que saibamos que a mensagem foi recebida.

A repetição é parte de uma técnica chamada escuta ativa, em que a mensagem de uma pessoa é importante o suficiente para ser reforçada pela repetição. Então, quando for conversar, peça-lhes que digam o que ouviram. Contar de volta para você também tornará a mensagem mais fácil para a criança lembrar.

3. Tente um toque físico suave

 

6 dicas para lidar com crianças que não gostam de ouvir - 03

Uma conversa com seu filho pode sempre se tornar mais confortável (para ambos) se você colocar um braço em volta dele ou apertar suavemente seu ombro. As crianças tendem a aprender de maneiras diferentes, e quando usamos as mensagens verbais e o toque apropriado, podemos conseguir mais atenção deles. Mas cuidado: o toque que não é tão gentil pode criar um abismo na comunicação. Portanto certifique-se de que seu toque transmita amor e respeito.

4. Recompense bons comportamentos

 

6 dicas para lidar com crianças que não gostam de ouvir - 06

Um pequeno incentivo para que a criança faça o certo pode ser poderoso. Se você precisa que seu filho pare de assistir televisão e venha jantar, você pode deixá-lo ter mais 15 minutos com a TV depois do jantar e antes de dormir se ele vier imediatamente e sem reclamar. Oferecer uma recompensa pode ajudar o comportamento de ouvir a melhorar.

5. Escolha suas batalhas

 

6 dicas para lidar com crianças que não gostam de ouvir - 02

Algumas questões são mais importantes que outras. Por exemplo, se uma regra da família diz que jogos de vídeo só são permitidos depois que a lição de casa estiver terminada é um grande negócio. Quando você precisa se comunicar imediatamente sobre esse tipo de coisa, você precisa chamar a atenção deles na hora. Mas uma toalha molhada que ficou em cima da cama, por outro lado, pode esperar um pouco.

Dar a seus filhos um pouco de folga em coisas assim pode torná-los mais receptivos quando for mais importante.

6. Dê você o exemplo

 

6 dicas para lidar com crianças que não gostam de ouvir - 07

A modelagem de bons padrões de comunicação familiar e a escuta ativa podem ajudar e muito o seu filho a ouvir. Primeiro, você mostra respeito quando dá tempo para ouvir suas preocupações, e é mais fácil para ele mostrar respeito quando se sente respeitado.

Segundo, as crianças aprendem muito mais com o que veem do que com o que ouvem e modelam seus comportamentos de escuta à medida que aprendem mais sobre comunicações interpessoais. Aproveite o tempo para conversar quando eles estiverem prontos e eles estarão mais propensos a responder quando você precisar deles para ouvir.

A comunicação familiar pode ser uma das questões mais difíceis com as quais os pais têm que lidar, e pode ser facilitada quando ajudamos nossos filhos a aprender a ouvir e quando modelamos nossas próprias habilidades de comunicação em nossas interações com eles.


(Imagens e texto via Papo de Pai)