Aleteia
Sexta-feira 23 Outubro |
São Paulo Tong Viet Buong
Curiosidades

A mulher que já cozinhou para 2 papas

LIDIA BASTIANICH

Reprodução / Facebook

Lidia Bastianich cozinhou para Bento XVI e Francisco

ACI Digital - publicado em 11/04/18

Poucos chefs tiveram este privilégio (e esta responsabilidade)

Lidia Bastianich é uma famosa chef italiana que teve a oportunidade de cozinhar para Bento XVI e o Papa Francisco nas suas visitas aos Estados Unidos em abril de 2008 e setembro de 2015, respectivamente.

Bastianich, que se declara católica e devota da Virgem Maria, indicou à CNA – agência em inglês do Grupo ACI – que as duas experiências foram “extraordinárias”.

Antes de cada viagem apostólica, são escolhidas as equipes de cozinheiros e camareiros no país anfitrião. Além disso, a Santa Sé deve aprovar a proposta do cardápio.

Bento XVI

“Quando me pediram para que cozinhasse para o Papa Bento XVI, não podia acreditar que isso estivesse acontecendo. Lembro que eu ri e disse: ‘Claro Monsenhor, eu adoraria, mas é sério?’

A também apresentadora de programas de culinária na televisão e autora de mais de dez livros de receitas, explicou que, enquanto decidia o cardápio para Bento XVI, ficou sabendo que a mãe do Papa alemão havia sido cozinheira. Por isso, quis evocar “algumas boas recordações culinárias”.

Pediram para que ela preparasse os jantares para dois dias: o primeiro jantar era para o Pontífice e 50 cardeais e bispos, e o segundo era mais íntimo, para celebrar os 80 anos de Bento XVI.

No primeiro jantar, a entrada era uma salada de feijão com queijo ricota preparado com leite de cabra, cebolas em conserva e amêndoas torradas; em seguida serviram ravióli com queijo pecorino e pêras, risoto com urtigas, feijão, peixe assado com batatas e salada de alface. A sobremesa era um strudel de maçã com sorvete de baunilha e mel.

Para o jantar de aniversário e o terceiro aniversário do pontificado de Bento XVI, Bastianich e a sua equipe preparam de sobremesa uma torta de damasco e queijo ricota, e uma torta de chocolate e avelãs com a frase “Tu es Petrus”.

Bento XVI disse a Bastianich que a comida “estava muito boa. São os sabores da minha mãe”. Estas palavras deixaram a chef feliz, pois ela “queria fazer com que ele se sentisse em casa”.

Outro momento especial foi o convite do Papa Ratzinger para que ela e a sua equipe o acompanhassem a escutar um dos diplomatas a tocar violino.

Papa Francisco

Em 2015, quando soube que iria cozinhar para o Papa Francisco, Bastianich propôs ao Vaticano um cardápio argentino com muita carne, mas foi rechaçado, pois a comida deveria ser leve, devido à saúde do Pontífice.

Deste modo, Bastianich propôs pratos que recordassem a ascendência italiana de Francisco. No primeiro jantar em Nova York, ela preparou tomates com queijo burrata artesanal e lagosta cozida no vapor; sopa de capão com ravióli ‘Grana Padano’, medalhões de carne com milho e tomate fresco. A sobremesa foi um sorvete de uva com um bolo chamado “bolo de anjo”.

Bastianich e a sua equipe também prepararam o café da manhã do Santo Padre, com suco de laranja, chá e torrada. Além disso, à noite tinham que deixar um copo d’água e uma banana na sua mesa de cabeceira.

Uma das lembranças mais valiosas de Bastianich foi a visita surpresa de Francisco depois do almoço na sexta-feira, 25 de setembro.

Ela e a sua equipe estavam na cozinha tomando café enquanto o Pontífice descansava. Então, ouviram que os responsáveis pela segurança do Santo Padre corriam e gritavam: “Papa, Papa!”.

“De repente, o vimos (o Papa Francisco) entrar na cozinha. Ele olhou para nós e disse: ‘Posso tomar um café, por favor?’. Tomou um pouco de café e conversou com cada um de nós. Ele permaneceu durante cerca de 20 minutos conosco, naquela cozinha simples, e nós estávamos vestidos com as nossas roupas de chef. Foi muito especial, maravilhoso”, contou.

Bastianich recordou que antes de ir embora, o Papa “colocou a mão no bolso e entregou um terço para cada um, e disse: ‘rezem por mim’. Foi extraordinário”.

(ACI Digital)


ICE CREAM,GELATO

Leia também:
Todo papa adora sorvete. Veja os sabores favoritos dos 3 últimos pontífices

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Papa FranciscoSaúde
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
nuvens sinais
Reportagem local
Estão sendo fotografados "sinais do céu"?
Extremistas queimam igrejas no Chile
Francisco Vêneto
Por que queimam igrejas: Dom Henrique e Pe. J...
Rosário
Philip Kosloski
Benefícios do Rosário: 3 virtudes que aprende...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia