Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 21 Janeiro |
São Sebastião
home iconAtualidade
line break icon

Prefeitura de Caracas lança moeda para a compra de alimentos

VENEZUELA

Public domain

Agências de Notícias - publicado em 16/04/18

A prefeitura de Caracas lançou no domingo uma moeda própria, o “Caribe”, ante a escassez de dinheiro e a desvalorização do bolívar em meio à hiperinflação que afeta os venezuelanos.

Os caribes, com cédulas de 5, 10, 20, 50 e 100, podem ser utilizados apenas na feira de alimentos com preços subsidiados organizada pelo município, informou a prefeita Érika Farías, aliada do presidente Nicolás Maduro. Cada caribe equivale a 1.000 bolívares.

Farías definiu a moeda como um “mecanismo de proteção” para a população.

Os moradores de Caracas podem trocar bolívares pela moeda municipal em transações eletrônicas em postos da prefeitura.

A escassez de dinheiro é mais uma dificuldade para os venezuelanos, que enfrentam uma hiperinflação – segundo o FMI deve alcançar 13.000% este ano – e uma grave falta de produtos básicos.

O governo de Maduro atribui a situação a “máfias” que fazem contrabando com papel-moeda, mas analistas consideram que é uma consequência da impossibilidade de imprimir cédulas ao ritmo da inflação fora de controle.

A maior nota, de 100.000 bolívares, paga com dificuldade um café nas ruas.

Maduro anunciou em março o lançamento de novas cédulas e moedas, que entrarão em vigor no dia 4 de junho, em um processo de reconversão monetária que cortará três zeros do bolívar, o que significa que 100.000 bolívares passarão a valer 100.

Em meio ao caos, várias comunidades começaram a implementar moedas paralelas.

No fim de 2017, moradores de 23 de Janeiro – grande área popular ao oeste de Caracas – criaram o “Panal”, cuja cédula de maior valor tem a imagem do falecido presidente Hugo Chávez (1999-2013).

A moeda é usada no bairro – um reduto chavista – para negociar o que é produzido na própria comunidade.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Larry Peterson
Ela se divorciou duas vezes, teve 8 filhos, virou freira e levou ...
2
FETUS
Francisco Vêneto
Abortos no mundo em 2021 já superam mortes por covid em toda a pa...
3
Pope Audience Wednesday
Vatican News
A importância de ir à Missa aos domingo, segundo o Papa Francisco
4
POPE AUDIENCE
Reportagem local
A oração de cura que pode ser dita várias vezes por dia
5
Aleteia Brasil
Na íntegra: as três partes do Segredo de Fátima - e uma interpret...
6
BLESSED CHILD
Philip Kosloski
Cubra seus filhos com a proteção de Deus através desta oração bíb...
7
Aleteia Brasil
O testemunho de São Sebastião, o soldado mártir do Império Romano
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia