Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Receba o nosso boletim

Aleteia

Bispos do Paraná: “Excluiremos por completo venda de álcool em eventos da Igreja”

MĘŻCZYZNA, ALKOHOL
Shutterstock
Compartilhar

"Tenhamos coragem de dar esse passo! Temos plena convicção que a graça e a generosidade de Deus não tardarão a se manifestar!"

Reproduzimos a seguir o comunicado oficial de imprensa emitido pelos bispos da Regional Sul 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) a respeito da decisão de excluir totalmente a venda de álcool em festas e eventos da Igreja. 

PRONUNCIAMENTO DOS BISPOS DO REGIONAL SUL 2

Nós, Bispos e Administradores Diocesanos do Paraná, reunidos em Aparecida (SP) para a 56ª Assembleia Geral da CNBB, queremos manifestar aos párocos, aos administradores e vigários paroquiais, a todos os sacerdotes e diáconos, bem como a todos os Conselhos de Pastoral das comunidades e Conselhos de Assuntos Econômicos, a nossa firme decisão referente à exclusão por completo da venda de bebidas alcoólicas em nossas festas de padroeiros e quaisquer eventos da Igreja.

A missão da Igreja é evangelizar! Queremos que nossas comunidades se tornem cada vez mais evangelizadoras e, por isso, reiteramos veementemente a aplicação dessa norma, mesmo compreendendo as dificuldades culturais de algumas regiões de nosso Estado em colocá-la em prática.

É sabido que o álcool é uma das substâncias mais ameaçadoras aos jovens e, consequentemente, às famílias, além de ser uma porta de entrada para drogas ilícitas. O consumo descontrolado de bebidas alcoólicas desencadeia, com grande frequência, conflitos e até atos de violência, em direção claramente oposta ao que a Igreja no Brasil propôs com a Campanha da Fraternidade deste ano: a superação da violência. Além do mais, o consumo de álcool em promoções de Igreja representa um grande contratestemunho perante a sociedade (Cf. Documentos da CNBB, Comunidade de comunidades: uma nova paróquia, 2014, n. 286).

Assim, tendo já nos manifestado a respeito desse tema em 2014 e também em 2016, agora reafirmamos nosso compromisso com o Evangelho de Jesus Cristo, que pede vida e vida em abundância (cf. Jo 10,10): tenhamos coragem de dar esse passo! Temos plena convicção que a graça e a generosidade de Deus não tardarão a se manifestar! Experiências já difundidas por muitas comunidades da Igreja do Paraná asseguram bons resultados na vida comunitária e financeira, fazendo crescer a consciência do dízimo, como forma bíblica para manutenção de nossas comunidades (cf. Documentos da CNBB, Cristãos Leigos e Leigas na Igreja e na Sociedade, 2016, n. 31).

Que Nossa Senhora do Rocio, Rainha e Padroeira do Paraná nos cubra com seu manto de amor e nos ajude sermos fiéis ao que seu Filho deseja de nós. Fraternalmente,

Dom Amilton Manoel da Silva

Bispo Auxiliar de Curitiba e Secretário Interino da CNBB Regional Sul 2

Dom Geremias Steinmetz

Arcebispo de Londrina e Vice-Presidente da CNBB Regional Sul 2

Dom Mauro Aparecido dos Santos

Arcebispo Metropolitano de Cascavel e Presidente da CNBB Regional Sul 2