Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Receba diretamente no seu email os artigos da Aleteia.
Cadastrar-se

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Katy Perry e Orlando Bloom se encontram com o Papa Francisco

POPE FRANCIS KATY PERRY ORLANDO BLUM
HANDOUT / OSSERVATORE ROMANO / AFP
Compartilhar

Mas por que a cantora estava vestida de preto?

O casal Katy Perry e Orlando Bloom estava entre os participantes da conferência “United to Cure”, organizada pelo Conselho Pontifício para a Cultura.

Na conferência, que aconteceu entre os dias 26 e 28 de abril, especialistas da área de saúde, mídia, entretenimento e tecnologia se reuniram para analisar de que forma a tecnologia pode ser utilizada para melhorar o acesso das pessoas ao atendimento médico e como os recursos tecnológicos impactam na sociedade atualmente. Katy proferiu uma palestra sobre meditação.

O encontro com Francisco foi um evento fechado entre o pontífice e os participantes do evento. Katy Perry e o ator Orlando Bloom cumprimentaram o Papa e conversaram brevemente com ele. A cantora usava um discreto vestido preto, chapéu e véu.

Mas por que Katy Perry vestia preto no encontro com o Papa?

É uma tradição e está no protocolo do Vaticano: as mulheres devem vestir preto nos encontros com o Papa. Também recomenda-se que as visitantes usem véu ou lenço, como fez Perry.

 

O protocolo também diz que os homens devem vestir terno e gravata escuros, como o fez Bloom.

Entretanto, há um protocolo diferente para as rainhas de países católicos e algumas esposas de chefes de Estado. Nestes casos, as mulheres podem usar roupa branca, já que têm o “privilégio do branco”.

 

São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.