Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 28 Outubro |
São Sálvio
home iconAtualidade
line break icon

Cinema enfrenta desafio de se adaptar à internet, adverte Herzog

MOVIE TAPE

Andrey VP I Shutterstock

Agências de Notícias - publicado em 01/05/18

O cineasta alemão Werner Herzog defendeu, nesta segunda-feira (30), o uso de tecnologias digitais na indústria do cinema, após chegar ao Peru para dar um workshop na Amazônia para jovens da Europa, América e Ásia.

“Agora tudo está mudando em direção à internet, quem não vê isso está cego”, disse Herzog, de 75 anos, durante uma conferência de imprensa em Lima.

O diretor de “Fitzcarraldo”, entre outras obras, advertiu que a indústria enfrenta o desafio de se adaptar à nova forma de consumir as produções.

“O que vem é uma mudança monumental na distribuição dos filmes, porque o sistema tradicional de distribuição está afundando”, afirmou.

O cineasta alemão evitou se aprofundar na polêmica criada pela recusa do Festival de Cannes de aceitar filmes produzidos pela Netflix.

Mas ressaltou que apesar de que as novas tecnologias digitais como o streaming afastam os jovens das salas de cinema e da televisão, ele continuará batalhando para que o público continue indo ver filmes no cinema.

“O cinema está cada vez mais vivo, nunca esteve mais vivo, o que mudou é a forma de distribuição, inclusive a forma de produção também está mudando”, insistiu.

“Para mim o cavalo de batalha é que as pessoas vão sempre ao cinema ver meus filmes”, disse.

“As pessoas já fazem filmes com celulares, a indústria de Hollywood já fez isso”, apontou Herzog ao listar algumas das mudanças em curso.

“É um momento ideal para motivar todos a fazerem filmes, porque se trata de fazer filmes com o que você tiver à disposição”, acrescentou.

Herzog se declarou entusiasta de plataformas alternativas: “As pessoas exploram outras possibilidades, como YouTube”.

“Os jovens utilizam o streaming para ver os filmes em seus próprios aparelhos. Necessitamos ver o que acontece ao nosso redor”, insistiu Herzog.

“Não vejo final para isto”, indicou o também roteirista, produtor e ator alemão ao ser perguntado sobre até que idade pretende continuar filmando.

Detalhou, ainda, que está preparando um documentário com o ex-líder soviético Mikhail Gorbachev e que está gravando um filme em Tóquio.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Pe. Zezinho
Francisco Vêneto
Duas emissoras brasileiras deturpam fatos em ...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia