Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Receba o nosso boletim

Aleteia

Vídeo ensina crianças a se defenderem da violência sexual

DZIEWCZYNKA W KĄCIE
Shutterstock
Compartilhar

O desenho animado usa linguagem simples e lúdica para tratar deste assunto tão delicado

Como ensinar uma criança que ninguém pode tocar no corpo dela? Esta aí um grande desafio para pais e educadores. Acertar na linguagem e no modo de explicar esta questão tão delicada não é tarefa das mais fáceis.

Mas um desenho animado recentemente criado pela produtora SPIRIT Animation em parceria com o Centro Marista de Defesa da Infância parece estar atingindo o objetivo de conscientizar crianças e adolescentes sobre a importância de se defender dos abusos sexuais.

A produção faz parte da campanha “Defenda-se”, que há quatro anos promove a autodefesa de crianças contra a violência sexual através de “uma linguagem simples, acessível, amigável e preventiva”. No site da campanha, você pode ter acesso a esse e outros vídeos, além de informações sobre a prevenção e o enfrentamento à violência sexual contra crianças e adolescentes.

Os números da violência sexual no Brasil

Segundo a BBC Brasil, em 2016 o Disque 100 recebeu 15.707 denúncias de abusos sexuais contra crianças e adolescentes em todo o país. De acordo com o Sistema Único de Saúde, o SUS, 57% das vítimas de violência sexual que dão entrada nos hospitais brasileiros têm entre 0 e 14 anos. Em 2016, 13 mil vítimas receberam atendimento médico.

Porém, como se trata de um assunto muito íntimo e polêmico, muitas vítimas e familiares preferem sofrer em silêncio a denunciar os abusos, que, muitas vezes, são praticados dentro de casa.