Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 18 Abril |
São Galdino
home iconAtualidade
line break icon

Rio está entre as 8 capitais com menor proporção de homicídios do país

FAVELA

Fernando Frazão-Agência Brasil- (CC BY 2.0)

Agências de Notícias - publicado em 17/06/18

O Rio de Janeiro costuma ocupar as manchetes pelos confrontos entre facções criminosas e pelas violentas operações policiais, mas aparece entre as oito capitais de estados com menor proporção de homicídios, segundo um relatório do Ipea divulgado nesta sexta-feira (15) com dados de 2016.

Este ano, o índice de mortes violentas na cidade do Rio de Janeiro foi de 34,9 a cada 100.000 habitantes.

O menor índice entre as 26 capitais mais o Distrito Federal é de São Paulo (14,9/100.000), e o maior é de Belém (77,0), detalha o estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e do Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

A média dos 309 municípios analisados (com mais de 100.000 habitantes) é de 38,67/100.000.

A metade dos casos se concentra em 123 cidades, 33 delas nos estados de Rio de Janeiro e Bahia. O triste recorde é de Queimados, no Rio, com 134,9 mortes violentas a cada 100.000 habitantes.

Em todo o país houve em 2016 um total de 62.517 mortes violentas (30,3/100.000), de acordo com a primeira parte do relatório divulgada na semana passada. Entre 2006 e 2016 o número de homicídios superou meio milhão (553.000).

A média brasileira fica acima do conjunto de países da América Latina e do Caribe (22/100.000), região mais violenta do mundo, segundo dados do Banco Mundial em 2015, que davam ao Brasil uma média de 27/100.000 (https://datos.bancomundial.org/indicador/vc.ihr.psrc.p5). Na União Europeia, a média era este ano de 1/100.000 e nos Estados Unidos de 5/100.000.

O estudo brasileiro assinala a correlação entre a violência e as condições de educação, oportunidade de trabalho e vulnerabilidade, pelo qual as cidades que apresentam as maiores taxas de mortes violentas são as que contam com a maior população em situação de pobreza.

(AFP)

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens poderosas
2
MIGRANT
Jesús V. Picón
O menino perdido no deserto nos convida a refletir
3
Ordenação sacerdotal
Francisco Vêneto
Ex-testemunha de Jeová será ordenado padre católico aos 25 anos
4
Pe. Zezinho
Reportagem local
Não desprezem o templo nem posem de católicos avançados, alerta o...
5
MARY, CRUSH, SNAKE
Desde la Fe
10 poderosas armas para lutar contra o demônio
6
SPANISH FLU
Bret Thoman, OFS
Como o Padre Pio encarou a pandemia de gripe espanhola
7
Reportagem local
Hoje celebramos Santa Bernadette, a menina que viu Nossa Senhora ...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia