Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 31 Outubro |
Beato Domingos Collins
home iconEstilo de vida
line break icon

Minha filha vai se casar e quer gastar uma fortuna com a festa!

WEDDING

Photo by Sweet Ice Cream Photography on Unsplash

Katrina Fernandez - publicado em 22/06/18

"Tivemos que colocar limites e ela quer pedir empréstimo para cobrir o que nós 'nos negamos' a pagar. Não quero que ela comece o casamento com uma dívida"

De um leitor da edição de Aleteia em inglês:

Minha filha de 24 anos se casa no começo do ano que vem e os planos do casamento estão saindo de controle. Ela é inteligente, mas está decidida a ter o casamento mais extravagante que o nosso dinheiro pode pagar. Minha esposa e eu temos boas condições econômicas, mas trabalhamos a vida toda para isso, e, se conseguimos um nível bastante confortável, foi justamente porque nunca esbanjamos dinheiro. Isso a nossa filha não consegue entender. Tivemos que colocar um limite no orçamento e agora ela quer pedir um empréstimo para cobrir os gastos que nós “nos negamos” a pagar. Eu não quero que a minha filha comece a vida de casada pagando o empréstimo da festa, quando bem poderia estar pagando uma casa. Minha esposa e eu não conseguimos convencê-la de que isso é um desperdício e uma péssima ideia. Se não a ajudarmos, ela vai pedir o empréstimo, mas simplesmente não achamos razoável pagar 100.000 dólares por uma festa de casamento (o equivalente a 380.000 reais ou 86.000 euros).

Resposta da colunista Katrina Fernandez:

A minha principal preocupação é com a “ameaça” de pedir um empréstimo para o casamento se vocês não fizerem a vontade dela. Essa demonstração de imaturidade da sua filha talvez sinalize que ela não entende o suficiente o que é o sacramento com o qual ela está prestes a se comprometer.

Um casamento é uma declaração pública de amor mútuo e para a vida toda, além de ser o começo de uma família. Faz todo o sentido que se deseje começar essa vida nova com os melhores alicerces possíveis e não com uma dívida exorbitante. Vocês têm razão; as duas ideias são, evidentemente, péssimas: tanto o empréstimo para uma festa de casamento quanto gastar 100.000 dólares na celebração.

Como sacramento, a celebração do casamento é o rito de iniciação à vida matrimonial. Deveria ser entendido e tratado com reverência e solenidade, não como exibição de riqueza.

Pedir um empréstimo num valor enorme para fazer uma festa que vai além dos próprios recursos econômicos é um erro crasso e vocês estão sendo sábios ao reconhecer a necessidade de um limite. De fato, se por um lado vocês não podem impedir a sua filha de pedir um empréstimo, por outro lado vocês podem definir quanto do seu dinheiro pode ser destinado a contribuir com esse gasto. Digam à sua filha o que vocês podem se permitir e sugiram a ela que faça um ajuste no orçamento e nas expectativas ou que comece uma poupança para a festa em vez de pedir um empréstimo.

Considerando que hoje em dia não é mais tão comum que a família da noiva banque tudo sozinha, eu suponho que o noivo e a família dele também pretendem contribuir de algum modo. Mas o mais importante é que a sua filha e o seu futuro genro entendam que a responsabilidade pela festa de casamento é deles também. Com isto e, principalmente, com o entendimento do matrimônio como sacramento, eles vão perceber rapidamente o quanto é sábio cortar as extravagâncias.

Eu me lembro que, quando fiquei noiva, também estava com a cabeça cheia de expectativas de conto de fadas, mas assim que comecei a planejar a sério o casamento, fiquei espantada com o quanto tudo era caro e não demorei muito a colocar os pés de volta na terra.

Não vai cair mal à sua filha uma dose saudável de realidade para que ela reoriente as suas prioridades a partir da natureza sacramental do matrimônio.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
CasamentoDinheiroFilhosPaternidade
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Brasileira Simone Barreto Silva é vítima de ataque terrorista na catedral de Nice
Reportagem local
Brasileira é vítima no ataque terrorista na c...
Reportagem local
França: atentado na basílica de Notre Dame em...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Pe. Robson de Oliveira
Francisco Vêneto
Defesa desmente Fantástico, da TV Globo, em n...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia