Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Por que proliferam tantas seitas religiosas apesar do real interesse dos fundadores?

© DR
Sectas en hispanoamérica
Compartilhar

Quem responde é o pe. Gabriel Vila Verde: "Você chegará a uma conclusão e, quem sabe, até a uma escolha"

O pe. Gabriel Vila Verde, sacerdote brasileiro que exerce o seu ministério na Bahia, compartilhou em sua página no Facebook a seguinte reflexão sobre a proliferação das autodenominadas “igrejas” impregnadas de apelo emocional:

Muitos se perguntam: por que as novas “igrejas” crescem tanto, mesmo sabendo do real interesse de seus fundadores? Analisemos.

A Fé Católica nos convida a pensar, a fazer uso do cérebro para compreender e crer nas coisas relacionadas a Deus. Daí a importância de uma Suma Teológica, de um estudo do Catecismo, de sete anos de faculdade para um jovem se tornar padre etc.

Enquanto isso, as seitas provocam emoções e fazem uma série de promessas. Venha que você vai prosperar. Venha que você vai ser curado. Venha que você será “descarregado” etc. Em cada encontro, músicas melosas para fazer a pessoa chorar, ritmos alucinantes para provocar o transe, coisas que são seriamente apelidadas de “ação do Espírito Santo”.

Me diga aí. Qual é a proposta mais interessante para as pessoas? Qual é a mais confortável? Analise. Você chegará a uma conclusão e, quem sabe, até a uma escolha.

Tags:
feseitas