Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia
Redação da Aleteia / ACI Digital
Como surgem as intenções de oração do Papa?
María Álvarez de las Asturias
Como ajudar um casal que se separou?
Padre Reginaldo Manzotti
Oração para pedir luz ao Senhor
Padre Reginaldo Manzotti
5 lições de vida para ser feliz
Prosa e Poesia
Os recomeços
Vatican News / Redação da Aleteia
Papa aos juízes: não buscar interesse pessoal

Pouco conhecido na Tailândia budista, Papa comoveu país ao rezar por meninos

© Antoine Mekary / ALETEIA
Compartilhar

A proximidade de Francisco aos adolescentes presos na caverna repercutiu e foi apreciada com gratidão pelo povo tailandês, que quase desconhece o cristianismo

Em conversa por telefone com a agência de notícias do Vaticano, a Vatican News, um sacerdote católico italiano que é missionário na Tailândia falou sobre a comoção nacional em torno ao dramático e bem-sucedido resgate dos 12 meninos e seu treinador após mais de duas semanas presos na caverna Tham Luang.

O pe. Raffaele Sandonà, da Missão Católica de Kiang Mai, não muito distante da localidade em que a caverna se situa, destacou o quanto foram bem recebidas pela população tailandesa as orações da comunidade católica. Em especial, repercutiu no país o apelo público do Papa Francisco para que fossem feitos todos os esforços a fim de resgatar os adolescentes. O Santo Padre também garantiu, é claro, que rezava por todos eles.

A fala do Papa Francisco foi destacada por todos os meios de comunicação locais e mencionada por diversas autoridades tailandesas.

Trata-se de um fato destacável porque o país tem amplíssima maioria budista e, nesse contexto, não costuma haver interesse da população pelas declarações e personalidades do cristianismo. No entanto, mesmo havendo apenas um conhecimento vago a respeito de quem é o Papa, a percepção geral sobre Francisco na Tailândia é de simpatia. Esta sua manifestação específica de apoio e de oração pelos meninos e pelo seu treinador despertou entre muitos tailandeses uma notável onda de gratidão e de apreço pelo pontífice.

Aleteia Top 10
  1. Lidos