Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sexta-feira 15 Outubro |
Santa Teresa de Jesus (Teresa de Ávila)
Aleteia logo
home iconPara Ela
line break icon

4 passos para superar a insegurança

FRUSTRATION

Vmaslova - Shutterstock

Adriana Bello - publicado em 22/07/18

Nós nos sabotamos de mil formas diferentes – veja como parar isso

Não existe motivação melhor do que a que vem de nós mesmos, mas, às vezes, há uma espécie de voz interior que nos diz: “você não é boa o suficiente” ou “você é muito velha para isso” ou “é porque ela é mais bonita e mais inteligente do que você” ou toda uma série de outras coisas que sabotam nossos planos, nos paralisam e/ou nos fazem nos sentir inferiores em um nível pessoal ou profissional.

A pior parte é que, na maioria das vezes, são ideias ou mal-entendidos que nós mesmos inventamos e construímos, talvez por causa de medos ou complexos, e nós os mantemos dentro de nós apenas para nos torturarmos mentalmente, uma e outra vez.

Bem, é hora de parar! Para alcançar o que queremos, primeiro devemos reconhecer e superar nossas próprias barreiras autoimpostas. Veja como:

Aceite-se

Assim como você é capaz de reconhecer pontos fortes e fracos em outras pessoas, aprenda a se aceitar com suas imperfeições. De fato, reconhecê-las permitirá que você se concentre e desenvolva seus pontos mais fortes (seu aspecto diferenciador) e procure ajuda ou trabalhe mais sobre o que você não é tão bom.

Seja compreensivo com suas próprias fraquezas (sim, hora de dar um chá tranquilizador ao seu crítico interior) e dê uma dupla dose de apreciação por cada uma de suas realizações.

Procure pela excelência, não pela perfeição.

Da mesma forma, aprenda a dizer “não”. Às vezes queremos assumir muitas coisas e não é uma questão de capacidade ou talento, mas de tempo, e acabamos ficando frustrados desnecessariamente.

Não podemos ser bons em tudo! E é também por isso que é injusto comparar-se com outras pessoas.

Tire um tempo para refletir (mas não se isole)

Hoje, nós, mulheres, somos esposas, namoradas, filhas, mães, irmãs, profissionais, amigas, o que pode ser bastante cansativo, então precisamos parar de vez em quando e refletir sobre o que queremos e o que estamos fazendo (ou não fazendo) para alcançá-lo.

É quando uma voz interna negativa pode se apresentar para sabotar você, e é quando é importante falar com uma amiga ou parente que te conheça (e que pode ser direto com você) para que você não caia em uma espiral autodestrutiva.

Por exemplo, talvez um de seus objetivos seja encontrar um parceiro ideal e você não encontrou. Então, você pode começar a se sabotar com a noção de que você é feia ou não muito interessante, quando talvez você tenha sido convidada a conhecer novas pessoas e você disse não. Ou talvez seja apenas uma questão de atitude.

Enfrente os seus medos

É totalmente normal sentir medo (e ficar preocupado), mas não permita que isso te consuma, porque não apenas drena sua energia, mas não é muito produtivo e isso simplesmente deixa você com mais estresse, ansiedade e medos.

“É que sou muito jovem para essa responsabilidade” ou “não tenho dinheiro para realizar isso” ou “sou uma pessoa realmente ocupada e não tenho tempo para nada…”. Veja se essas são apenas desculpas e lute pelo que você quer, se é realmente importante para você.

Não deixe o medo de não conseguir o que deseja criar um padrão de comportamento de autossabotagem para ter uma “justificativa”.

Pare de procrastinar

Às vezes, o tempo que passa entre a intenção e a ação é muito longo. Temos que ser capazes de tomar decisões e não adivinhar ou inventar desculpas para algo que pode acabar se tornando um sofrimento ainda pior em longo prazo.

Talvez alguns de nós deixemos as coisas pelo caminho para evitar enfrentar a rejeição ou a falha, mas isso também nos impedirá de experimentar a alegria de um objetivo cumprido.

Por que deixar para amanhã as ações que permitem que você se sinta mais feliz consigo mesma hoje?

Sim, é bom ouvir a nossa voz interior, mas vamos ouvir a voz que vem do nosso coração e não das nossas inseguranças.

Tags:
ConfiançaSaúdeVirtudes
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Milagre do Sol em Fátima
Reportagem local
13 de outubro: o dia em que o mundo presenciou o Milagre do Sol e...
2
MARRIAGE
Matrimonio cristiano
Beijar a aliança todos os dias: uma indulgência especial aos casa...
3
Restauração da imagem de Aparecida por Maria Helena Chartuni
A12
Arrebentada em 200 pedaços: a impactante experiência da restaurad...
4
Reportagem local
O grande crucifixo submerso que só pode ser visto quando o lago c...
5
Claudio de Castro
Uma alma do Purgatório te agradecerá por isto
6
PRIEST-EUCHARIST-ELEVATION-HOST
Philip Kosloski
O que devemos rezar quando o padre eleva a hóstia e o cálice?
7
MULHER REZANDO
O São Paulo
Rezar deitado: é certo ou errado?
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia