Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 10 Abril |
São Miguel de los Santos
home iconEstilo de vida
line break icon

Dependência: quando começa?

DRUG,ADDICTION

Shutterstock

Javier Fiz Pérez - publicado em 23/07/18

O uso de drogas pode levar ao vício ou à dependência

Dependência ou vício em drogas consiste no uso compulsivo de uma substância, apesar das consequências negativas que isso implica, as quais podem ser severas. A dependência de drogas também pode ser uma consequência do uso prolongado para aliviar a dor física, embora seja incomum que isso aconteça em pessoas que não possuem história de dependência.

O abuso de drogas é simplesmente o uso excessivo de uma droga ou seu consumo para fins que não sejam médicos.

A dependência psicológica das substâncias narcóticas consiste na necessidade de consumir alguma substância psicoativa para sentir prazer ou para evitar um mal-estar psíquico.

As drogas que causam esse tipo de dependência têm seu efeito a partir da ativação dos circuitos cerebrais envolvidos no prazer, também chamado de circuito de recompensas. Existem diferentes opiniões sobre o nível de vício ou dependência psicológica que cada droga pode produzir em particular.

A dependência física de uma substância implica na necessidade da droga para realizar tarefas. No entanto, esta não é uma condição necessária ou suficiente para definir o vício. Existem algumas substâncias que mesmo quando não causam o vício, causam a chamada dependência física, como é o caso de alguns medicamentos para a pressão arterial, por exemplo. Por outro lado, existem aqueles que causam vício sem a clássica dependência física, por exemplo, a abstinência da cocaína não traz sintomas como vômitos ou calafrios, mas traz sintomas depressivos.

Ao deixar de utilizar uma droga, os consumidores de substâncias psicoativas podem sofrer abstinência, mas também, diante da ausência da droga no corpo, o consumidor pode sofrer dores físicas e um intenso desejo, ambos indicadores de dependência físicada substância específica. Em outras palavras, essa dependência é a necessidade fisiológica de uma droga, marcada por desagradáveis sintomas ​​de abstinência ao interromper o consumo.

Por outro lado, também é possível desenvolver dependência psicológica, isso acontece muitas vezes com medicamentos prescritos para depressão e ansiedade. Embora provavelmente não ocorra o vício físico, as drogas se tornam uma parte importante da vida da pessoa, uma maneira de aliviar sentimentos negativos. Em ambas as classes de dependência, o objetivo do consumidor será obter e usar o medicamento.

Como pode surgir o vício?

Os riscos que predispõem as pessoas ao vício são diferentes daqueles que predispõem ao uso ou abuso.

A pressão dos companheiros ou do próprio contexto relacional pode levar ao uso ou abuso, mas pelo menos a metade dos indivíduos que caem no vício sofrem de depressão, transtornos do déficit de atenção, estresse pós-traumático ou outros problemas psicológicos.

É possível que adolescentes que crescem em um ambiente de uso de drogas ilícitas vejam primeiro seus pais usando drogas. Isso pode colocá-los em um maior risco de desenvolver um vício mais tarde, tanto por razões ambientais como genéticas.

Os mais consumidos 

Calmantes: opiáceos e narcóticos. Eles são analgésicos muito poderosos com propriedades sedativas e eufóricas. Entre eles estão: heroína, ópio, codeína, meperidina (Demerol), hidromorfona, Oxicodona e outros.

Estimulantes do sistema nervoso central: anfetaminas, cocaína, dextroanfetamina, metanfetamina e metilfenidato. Os estimulantes mais amplamente utilizados são a cafeína e a nicotina. Estas drogas têm um efeito estimulante e podem produzir tolerância.

Depressores do sistema nervoso central: Barbitúricos (amobarbital, pentobarbital, secobarbital), benzodiazepina (Valium, Ativan, Xanax), cloridrato e paraldeído. Essas substâncias produzem um efeito sedativo calmante, reduzem a ansiedade e podem levar à dependência. Lembre-se de que o álcool também pode produzir esses efeitos.

Alucinógenos: LSD, mescalina, psilocibina e fenciclidina (PCP ou “pó de anjo”). Eles têm propriedades alucinógenas e podem produzir dependência psicológica. Tetraidrocanabinol (THC) é a substância ativa encontrada na cannabis, maconha e haxixe. Embora usadas por causa de suas propriedades relaxantes, as drogas derivadas do THC também podem desencadear paranoia e ansiedade.

O primeiro passo para evitar as desastrosas consequências do consumo e dependência de drogas e de substâncias narcóticas é o conhecimento dos efeitos negativos que isso pode ter na sua própria vida, seja no nível pessoal, social, familiar e de trabalho.

Tags:
DrogasVícios
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Jim Caviezel
J-P Mauro
Jim Caviezel fez o que pode ser considerado um dos maiores discur...
2
ALTAR BOY,
Un cammino chiamato famiglia
Coroinha desmaia durante Via Sacra, mas a cru...
3
Padre Gilvan Manuel da Silva perde pais e irmãos para covid-19
Reportagem local
Padre perde pais e irmãos para covid-19 e afirma: “Continua...
4
PRINCE PHILIP
Cerith Gardiner
11 fatos interessantes sobre o falecido príncipe Philip
5
Reportagem local
Santo Sudário, novo estudo: “Não é imagem de morto, mas de ...
6
FRANCISCO AND JACINTA MARTO
Tom Hoopes
As lições dos pastorinhos de Fátima aplicadas ao coronavírus
7
SAINT JOSEPH
Philip Kosloski
10 coisas sobre São José que você precisa saber
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia