Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 21 Outubro |
São Bertoldo de Parma 
Aleteia logo
home iconAtualidade
line break icon

Médico recusa aborto, salva mãe e bebê de 23 semanas e… é processado

Dr Leandro Rodríguez Lastra

Radio 10 / Twitter

Reportagem local - publicado em 30/08/18

Denúncia impulsionada por deputada argentina pró-aborto o acusa de "violência" e "descumprimento de deveres de funcionário público" (!)

O médico tocoginecologista Leandro Rodríguez Lastra, chefe do setor de Ginecologia do Hospital Pedro Moguillansky, em Río Negro, na Argentina, está sendo processado por ter-se recusado, corretamente, a praticar o aborto de um bebê que já estava no quinto mês de gestação.

A mãe, de 19 anos, tinha chegado ao hospital em maio de 2017 com fortes dores decorrentes da ingestão de um medicamento abortivo. Como ela tinha quase 23 semanas de gravidez e o bebê pesava mais de 500 gramas, o doutor constatou alto risco de morte para ambos e administrou medicação para estabilizar clinicamente a paciente. Ele conseguiu. Quando o bebê chegou à 35ª semana de gestação, os médicos realizaram o parto induzido. O bebê nasceu prematuro e, pouco tempo depois, foi adotado.

Além do doutor Leandro Rodríguez Lastra, também a doutora Yamila Custillo se negou a realizar aquele aborto, ajudando assim a salvar as duas vidas.

No entanto, ambos os médicos foram denunciados judicialmente por Marta Milesi, deputada de Río Negro.

A doutora Yamila Custillo foi excluída da denúncia em maio de 2018, mas o doutor Leandro continuou sofrendo o processo sob a acusação de “violência obstétrica” e “descumprimento de deveres de funcionário público” por, segundo a denúncia, ter impedido um aborto em andamento.


AMALIA GRANATA

Leia também:
Jornalista argentina contrária ao aborto é demitida por canal de televisão

Apoio à vida e objeção de consciência

Todos os ginecologistas e obstetras do hospital se registraram como objetores de consciência após viverem essa experiência: ou seja, todos eles se manifestam contra o aborto e a favor do direito médico de se recusar a cometê-lo, preferindo sempre o esforço para salvar as duas vidas.

A associação Médicos pela Vida, que está apoiando publicamente o doutor Leandro Rodríguez Lastra, emitiu nota em que afirma com toda a clareza e firmeza:

“Diante das Ciências Médicas, do Código de Ética Médica e, muito especialmente, com o respaldo da nossa Lei Constitucional Argentina e do Código Penal, [o doutor Rodríguez Lastra] agiu de forma idônea e corretíssima. Pondere-se que, embora se tenha ratificado no Senado da Nação Argentina que o aborto não é lei em nosso país, há quem pretenda, em algumas províncias, atribuir caráter de lei a um protocolo que tem caráter de direito provincial e que, em si mesmo, é inconstitucional. Convocamos todas as organizações pró-vida do país a exigirem a revogação do protocolo, chamado erroneamente de ‘Interrupção Legal da Gravidez’, para continuar protegendo as vidas de todos os argentinos, a ação fidedigna de verdadeiros médico e a Constituição Nacional”.


ARGENTINA

Leia também:
Médicos de hospital da Argentina avisam: “Não somos obrigados a fazer abortos”

_________

A partir de matéria da ACI Digital

Tags:
AbortoCultura do descarteIdeologiaVida
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
VENEZUELA
Ramón Antonio Pérez
Quando a vida surge do abuso atroz a uma jovem deficiente
2
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
3
COMMUNION
Philip Kosloski
Oração ao seu anjo da guarda antes de receber a comunhão
4
Carlo Acutis
Gelsomino Del Guercio
“Ele fechou os olhos sorrindo”: foi assim que Carlo Acutis morreu
5
Reportagem local
A bela lição que este menino deu a todos ao se aproximar do Papa
6
São José
Francisco Vêneto
Padre irmão de piloto de avião partido em dois: “São José tem mui...
7
Aleteia Brasil
O segredo da cidade bósnia onde jamais houve um divórcio
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia