Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sexta-feira 22 Outubro |
Santos Filipe e Hermes
Aleteia logo
home iconEstilo de vida
line break icon

5 mitos sobre o suicídio que você precisa conhecer

SAD GIRL

Pexels

Canção Nova - publicado em 06/09/18

Um drama silencioso que faz 32 vítimas por dia no Brasil

O mês de setembro é lembrado como o mês da campanha de conscientização e prevenção do suicídio, cujo objetivo é alertar as pessoas para essa realidade que faz, em média, 32 vítimas, por dia, no Brasil, e 800 mil pessoas, por ano, em todo o mundo, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde). Esses números poderiam ser bem menores se o problema fosse tratado de forma mais clara e menos preconceituosa.

Por que é importante falar sobre suicídio?

Por muito tempo, achou-se que falar sobre suicídio poderia induzir as pessoas a cometerem tal ato. Hoje, sabe-se que é justamente o contrário. Tirar esse tema das sombras é uma forma objetiva de levar informação às famílias que enfrentam esse drama, além de permitir com que os órgãos públicos possam traçar estratégias de enfrentamento do problema. Ao falar sobre o drama do suicídio, podemos também formar e incentivar as pessoas a escutar a dor do outro e desmistificar os mitos que envolvem o tema. Nesse sentido, gostaria de falar sobre os cinco principais mitos que permeiam a questão do suicídio.

Mito 1: quem quer se matar não avisa

Fato: Em 90% dos casos, pessoas que tiraram a própria vida deram sinais diretos ou indiretos de que a dor interior estava difícil de suportar. Nunca se deve subestimar alguém que está dizendo que tirar a própria vida seria a forma mais fácil de resolver seus problemas. Na maioria das vezes, esse “dizer” não envolve necessariamente palavras, mas mudanças bruscas de comportamento, isolamento, uso abusivo de drogas, sentimento de culpa, irritabilidade excessiva e bullying.

Mito 2: quem comete suicídio ou tem pensamentos suicidas possui algum transtorno mental

Fato: apesar de as pessoas que sofrem algum transtorno psíquico estarem no grupo de maior risco, nem sempre alguém com algum diagnóstico atentará contra a própria vida. Da mesma forma, uma pessoa que pensa em suicídio, necessariamente, pode não ter nenhum transtorno mental. O ato de tirar a própria vida tem na sua base um sofrimento extremo, que está difícil de suportar. Portanto, a escuta acolhedora e incondicional é um fator de extrema importância na tentativa de aliviar a dor da pessoa.

Mito 3: a pessoa que fala em suicídio quer realmente morrer

Fato: ao escutar pessoas que apresentam pensamentos suicidas, é possível observar uma ambivalência entre querer morrer e viver. Quando alguém diz que quer tirar a própria vida, pode-se ver, neste ato, um pedido de ajuda, uma tentativa de viver. Portanto, nem sempre todo suicida quer realmente morrer. A vida sempre quer prevalecer sobre a morte.

Mito 4: se eu falar com alguém que está em risco, isso vai estimulá-la ainda mais

Fato: já está provado que falar sobre suicídio reduz os riscos de a pessoa realizá-lo e pode ser a única oportunidade de oferecer a ela a possibilidade de autoanálise de sua vida e de seus propósitos. É importante, no entanto, salientar que falar sobre suicídio não significa despejar jargões como “existe sofrimentos maiores que o seu”, “você não pode ser tão tola assim” ou coisas do tipo. Falar com essa pessoa significa entender seu sofrimento, mostrar algum sentido para a vida, injetar-lhe esperança.

Mito 5: se eu falar que tudo vai ficar bem e fizer uma oração por ela, tudo se resolverá

Fato: sem dúvida nenhuma, rezar por uma pessoa em sofrimento extremo é algo que pode lhe trazer um bom alívio, mas, em seguida, o melhor a fazer é estimulá-la a procurar uma ajuda profissional, como um psiquiatra ou psicólogo, justamente, porque esses profissionais possuem o manejo técnico para a melhor intervenção na raiz do problema. Somente orar por essa pessoa e dizer que tudo vai ficar bem pode piorar o problema se, eventualmente, ela não ficar bem.

Não só neste mês de setembro, mas todos os dias do ano, não percamos a oportunidade de desmascarar esse drama silencioso que mata mais do que a AIDS. Se você conhece alguém que está em situação de extrema dor, procure essa pessoa para escutá-la. Vale lembrar também que existe o Centro de Valorização da Vida (CVV), que oferece apoio emocional e prevenção do suicídio por meio do telefone 141 ou pelo site http://www.cvv.org.br/.

Por Daniel Machado, via Canção Nova 


MAN,PRAYING,CATHOLIC,MASS

Leia também:
Como os católicos podem ajudar uma sociedade atormentada pelo suicídio

Tags:
DepressãoPecadoSuicídio
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
VENEZUELA
Ramón Antonio Pérez
Quando a vida surge do abuso atroz a uma jovem deficiente
2
Reportagem local
A bela lição que este menino deu a todos ao se aproximar do Papa
3
Casal brasileiro com 8 filhos espera gêmeos
Francisco Vêneto
Jovem casal brasileiro com 8 filhos espera gêmeos: “cada um vale ...
4
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
5
Carlo Acutis
Gelsomino Del Guercio
“Ele fechou os olhos sorrindo”: foi assim que Carlo Acutis morreu
6
São José
Francisco Vêneto
Padre irmão de piloto de avião partido em dois: “São José tem mui...
7
morning
Philip Kosloski
Uma oração da manhã fácil de memorizar
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia